BENVINDO

Minha foto

 Sou servo do Senhor desde 2001,sirvo a Deus na Igreja do Evangelho Quadrangular,  obreiro formado no Instituto Teológico Quadrangular, professor da Escola Bíblica,  casado com Elisângela a 25 anos , pai de 2 filhos maravilhosos,  buscando cada dia conhecer mais ao Senhor. Meu maior desejo é ser " uma bênção" e abençoar àqueles que estão perto e através da web os que estão longe.  Que as bênçãos do Senhor seja transbordante sobre a sua vida, sobre sua casa , sobre sua família, sobre o seu ministério, querido(a) e amado(a) irmão(ã) em Cristo Jesus. 

quinta-feira, 31 de março de 2011

Um Caminho Limpo

 
 

Um Caminho Limpo
 
"Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando
envelhecer não se desviará dele" • (Provérbios 22:6).



Uma pequena menina seguia seu pai que vistoriava uma nova
plantação. Ela andava exatamente por onde seu pai andava. Em
determinado momento ela fala ao pai: "Papai, se você
conseguir evitar a lama em seus pés eu também não me sujarei
de lama!" O pai que ama a seus filhos procura andar em um
caminho limpo.


Estamos nós conscientes de que somos responsáveis pela vida
e futuro de nossos filhos? Temos procurado ser um modelo ou
exemplo para eles? Temos nos esforçado para lhes dar uma
educação correta a fim de que sejam vitoriosos e felizes?


Os filhos costumam seguir os passos dos pais. Vêem o que
eles fazem e tentam imitá-los. Eles são seus heróis, as
pessoas que julgam perfeitas e tentam, de todas as formas,
parecer com eles.


Um pai que vive bêbado pode conduzir os filhos ao mesmo
caminho. Um pai que não respeita a ninguém não poderá
impedir que seus filhos sejam iguais. Um pai que mente na
frente dos filhos não conseguirá fazer com que estes sejam
sempre verdadeiros. Ele pode ser a razão de um futuro
vitorioso ou pleno de derrotas para a sua casa.


Precisamos cuidar de nossos filhos, conduzi-los pelos
caminhos da honestidade e respeito, da verdade e da retidão,
da pureza e da humildade. Precisamos iluminar os caminhos
por onde irão passar e, com muito amor e dedicação,
ensinar-lhes o caminho de Deus. Seguros nas mãos do Senhor,
eles caminharão em segurança, fortalecerão as esperanças,
crescerão em fé, realizarão os bons sonhos, serão mais que
vencedores e viverão satisfeitos.


Se você deseja que seus filhos sejam felizes e abençoados,
evite os "caminhos de lama"... ande por "caminhos limpos."


                            

                                             Marcos Nunes   
" Nunca ore suplicando cargas mais leves, e sim ombros mais fortes"

O CALDEIRÃO

 
"A felicidade é
um bem que se multiplica ao ser dividido"
(Marxwell Maltz)




  O CALDEIRÃO



Conta uma lenda que Deus convidou um homem para conhecer o céu e o inferno.


Foram primeiro ao inferno.

Ao abrirem uma porta,
o homem viu uma sala em cujo centro havia um caldeirão de
substanciosa sopa e à sua volta estavam sentadas pessoas famintas e
desesperadas.

Cada uma delas segurava uma colher,
 porém de cabo muito comprido, que lhes
possibilitava alcançar o caldeirão,
mas não permitia que colocassem a sopa na
própria boca e o sofrimento era Grande.

Em seguida, Deus levou o homem para conhecer o céu.

Entraram em uma sala idêntica à primeira:
havia o mesmo caldeirão, as pessoas
em volta e as colheres de cabo comprido.

A diferença é que todos estavam saciados.
Não havia fome, nem sofrimento.
'Eu não compreendo', disse o homem a Deus,
'por que aqui as pessoas estão felizes enquanto na outra sala morrem de aflição, se é tudo igual?'

Deus sorriu e respondeu:

'Você não percebeu?
É porque aqui eles aprenderam a dar comida uns aos outros' .


Se você não souber viver em união, não se adaptará ao céu!
UNIÃO, resultado da prática do amor!


Amai-vos cordialmente uns aos outros com amor fraternal,
preferindo-vos em honra uns aos outros.
Romanos 12:10 


Cative o Coração dele Lysa TerKeurst Capítulo 20 e 21

 


CAPÍTULO 20

AMANDO OS PNEUZINHOS

Antes de mais nada, devo dizer a vocês que o meu marido é uma das pessoas mais em forma que já conheci. Se há al­guém que vai lutar contra os pneuzinhos, esse alguém serei eu. Na verdade, não pneuzinhos, mas verdadeiros alforjes. Porém mesmo estando em forma Art quer e pede a minha afirmação em algumas áreas. O problema é que todos temos algo em nós mesmos de que não gostamos. Pontos onde a insegurança nos derruba. Abaixo do Senhor, o amor incondicional do nosso cônjuge pode e deve ser de grande conforto para nós.
Vemos que os nossos maridos se expõem como são, e que­rem saber se os aceitamos. Os homens fingem muito bem em público. Parecem fortes, seguros e autoconfiantes. Eles devem ser os líderes, os protetores, os tomadores de decisão. Porém, em seu interior correm rios de dúvida e de incerteza. Eles preci­sam da afirmação de suas esposas — para dizer-lhes que os amam sob quaisquer circunstâncias.
Um bom exemplo desse "amor incondicional" pode ser encon­trado na história de Dave Dravecky (um jogador profissional de bei­sebol) e sua mulher, Jan. Na obra When You Can't Come Back o casal descreve em forma de crônica os acontecimentos e as emoções da luta de Dave contra o câncer, do seu retorno surpreendente ao esporte e da devastadora amputação daquele braço arremessador que já havia ganhado tantos prêmios.
Desde que Dave era apenas um garoto, o seu mundo girava em torno do beisebol. Quando cresceu e descobriu que era um arremessador de talento, sua identidade se centrava naquele bra­ço. Ele disse: "meu braço era para mim o que as mãos são para um pianista de concerto, o que as pernas são para uma bailarina, o que os pés são para um corredor de maratona... era o que me fazia valioso, o que me trazia a riqueza, ao menos aos olhos do mundo. De repente, meu braço já não estava mais lá. Quanto de mim se foi com ele? Quanto do que as pessoas pensavam de mim se foi com ele?"
Ele prosseguiu falando sobre Jan: "Como minha mulher se sen­tiria? O que ela pensaria de um homem que já não era capaz de amarrar seus próprios sapatos? Será que ela ainda me acharia atraente, ou sentiria repulsa ao ver-me nu, com o meu corpo mutilado? Quando saí do hospital e voltei para casa, percebi... que tudo o que Jan queria era ter o seu marido de volta".
Ele concluiu dizendo: "Por mais importante que tivesse sido na minha infância, por mais importante que tivesse sido para o meu sustento, o meu braço não significava nada para as pessoas mais importantes da minha vida. O que importava é que eu estivesse vivo e em casa".1
Lembre-se dos votos que muitos de nós repetimos ingenuamen­te: "na alegria e na tristeza, na saúde e na doença". Amar incondicionalmente significa permitir que os nossos maridos saibam, por nos­sos atos e palavras, que estaremos ao seu lado, não importando se tiverem muito dinheiro ou se forem um fracasso nos negócios. Esta­remos com eles quando forem fortes e capazes, e ainda estaremos com eles se ficarem doentes ou mutilados. Eles têm uma parceira por toda a vida, quer estejam saudáveis e em forma, quer estejam enrugados, grisalhos ou curvados. Exatamente como aquele antigo comercial de Band-aid, nossos maridos precisam saber que somos apaixonadas por eles.
Para um depoimento mais pessoal, aqui vai uma nota de Art:
Sempre me esforcei para economizar e investir com sabe­doria o dinheiro da nossa família. É importante para mim ter como providenciar o sustento mensal e planejar o nosso futuro econômico. Talvez parte de minha importância estivesse envol­ta nas minhas capacidades financeiras. Eu sabia que tudo vinha de Deus, e era cuidadoso não apenas em economizar, mas tam­bém ao entregar o dízimo. Mas um dia, meu plano econômico tão cuidadosamente construído veio abaixo quando um dos meus investimentos apresentou um mau resultado. Devo dizer que isso abalou o meu íntimo.
Eu não conseguia entender por que Deus nos permitira per­der tanto, quando estávamos tentando ser fiéis mordomos com aquilo que Ele nos havia confiado. Fiquei muito mal, meu espírito tinha sido esmagado e a minha confiança baixou a um nível nunca antes atingido. Pensei que Lysa estaria tão arrasada quan­to eu, o que fazia com que eu me sentisse ainda pior. Ao invés disso, quando lhe falei da gravidade da situação, ela me envol­veu em seus braços e disse-me que tudo terminaria bem. É sur­preendente como as suas palavras de conforto se tornaram para mim uma fonte de energia, e aliviaram toda a mágoa e angústia que eu estava sentindo.
Sei que um marido que prove segurança é uma das maiores necessidades de uma mulher. O amor incondicional de Lysa em uma área em que ela é mais vulnerável é uma excepcional forma de alívio para mim. Se ela tivesse reagido de acordo com as minhas expectativas, eu teria continuado a preocupar-me com o problema e sua solução. Ao invés disso, ela permitiu que eu me aliviasse e que me concentrasse na direção de Deus e em sua promessa de cuidar de nós. Depois ela me disse algo que jamais esquecerei. Ela disse: "Art, eu te amo pelo que você é, não pelo que você tem". Não consigo expressar o que o amor incondicio­nal de Lysa, àquela altura, significava para mim.
Esposas, estejam certas de que houve muitas vezes em que eu poderia ter estragado tudo, mas felizmente escolhi a reação ade­quada naquela ocasião. Em Habacuque 3.17-19 está escrito: "Por­quanto, ainda que a figueira não floresça, nem haja fruto na vide; o produto da oliveira minta, e os campos não produzam mantimento; as ovelhas da malhada sejam arrebatadas, e nos cur­rais não haja vacas, todavia, eu me alegrarei no Senhor, exultarei no Deus da minha salvação. Jeová, o Senhor, é minha força, e fará os meus pés como os das cervas, e me fará andar sobre as minhas alturas". Se você me permitir, usarei minha inspiração e escreverei Habacuque 3 sobre o casamento:
Embora ele tenha engordado um pouco e perdido um pouco de cabelo, embora o castelo com que sempre sonhei seja hoje apenas um rancho de três quartos, embora eu não tenha criados e haja apenas uma mini-van bastante usada na garagem, ainda assim eu me alegrarei no marido com o que o Senhor me abençoou, exultarei em ser a esposa deste homem. O Senhor soberano é a minha força; ele me ajuda a ter um bom comportamento durante o período pré-menstrual, Ele me er­gue acima das pilhas de roupa para lavar e me ajuda a ver a importân­cia eterna de ser a amante, a ajudante e a amiga do meu marido.
Construindo o seu relacionamento - Escreva as palavras "Eu amo você pelo que você é para todo o sempre", em pequenos pedaços de papel e esconda-os em lugares em que o seu marido certamente os encontrará. Procure oportunidades para assegurá-lo do seu amor diariamente.
Pensamento para o dia -... com toda a humildade e mansidão, com longanimidade, suportando-vos uns aos outros em amor.
Efésios 4.2



CAPITULO 21

TORNANDO-SE A BELEZA DELE


Presilhas para rabo-de-cavalo. Tiaras e fitas cor de rosa. Toa­lhas de renda. Aromatizantes de ambiente. Banhos de espu­ma Creme para a noite, creme para o dia, creme hidratante, másca­ra. Violeta, amor-perfeito, narciso e margarida. Xícaras de chá e cu­bos de açúcar. Chocolate, chocolate e mais chocolate com cobertura de chocolate. Risinhos e conversa de meninas.
Acho que consegui assustar os maridos em relação ao conteúdo deste capítulo, se por acaso eles estiverem folheando o livro para saber do que se trata. Este é o nosso capítulo secreto. A informação aqui contida é somente para olhos femininos. A informação aqui contida pode dar a você e às suas amigas assunto para vários dias! Estou simplesmente relatando os fatos que consegui descobrir. En­tão, sem demorar mais... aqui vai.
Como você se torna a beleza que o seu marido quer conquistar para sempre? Como consegue que ele seja o homem... o homem ro­mântico dos seus sonhos? Como você consegue que ele pense em você e deseje fazer coisas românticas para você? Como você conse­gue que seu guerreiro lute por você, por você ser bonita, e que não consiga imaginar sequer um dia sem a sua presença? Como você pode conseguir que ele conserte o vaso sanitário que está vazando e leve o lixo para fora, sem precisar pedir? Como você consegue fazer com que ele se engaje e ajude com as crianças e com a casa? Como você consegue que ele preste mais atenção em você do que em seu trabalho, nos esportes ou nas caçadas?
Você deve seduzi-lo.
Oh meu Deus! (Esta é uma expressão do sul que roubei de uma querida amiga minha chamada Dolly, e é a única adequada depois de uma frase como esta!)
Já disse. Sim, minhas irmãs cristãs, você deve seduzir o seu marido!
John Eldridge diz em seu livro Wild at Heart: "Estou dizendo a vocês que algumas igrejas verdadeiramente mutilaram as mulheres ao dizerem que a beleza delas é vã, e que atingem o máximo de sua feminilidade quando 'servem aos outros'. Uma mulher atinge o melhor de sua feminilidade quando se comporta como uma mulher". Ele prossegue dizendo que se uma mulher deseja que seu marido faça algo, ela tem muitas opções. "Ela pode atormentá-lo: Tudo o que faço é trabalhar, trabalhar, trabalhar. Por que você não se le­vanta e não se comporta como um homem? Ela pode choramingar e magoá-lo em seu íntimo: Pensei que você fosse um homem de verda­de; acho que estava enganada. Ou pode usar tudo o que é como mulher para fazer com que ele use tudo o que é como homem. Ela pode provocar, inspirar, energizar... seduzir o homem. Pergunte ao seu marido qual atitude ele preferiria".1
Amo esta frase: "Usar tudo o que é como mulher para fazer com que ele use tudo o que é como homem". Isso é o quer dizer tornar-se a beleza dele. Vejo que você está pensando: Já falamos desse assun­to de sexo por que estamos revendo esse tema? Esta sedução é mais do que o pensamento sexual. Trata-se de tornar-se a beleza que conduz o coração do seu marido em direção à unidade que Deus pretende que vocês dois formem. O coração de um homem é atraído pela beleza de uma mulher. O lado mais profundo de um homem se expõe subitamente quando uma mulher faz com que ele se sinta de­sejado e atraente.
É difícil para uma mulher sentir desejo de atrair o seu marido se ela mesma não se sente atraente. Patrick Morley em seu livro What Husbands Wish Their Wives Knew About Men (que em português poderia ser "O que os Maridos Gostariam que as suas Esposas Sou­bessem a Respeito dos Homens) diz: "O marido típico quer que sua mulher pareça bonita, mas ele não é obcecado. Entretanto, considera a aparência de sua mulher um reflexo em seu julgamento. O homem quer sentir orgulho de sua esposa. O que o homem espera é que sua mulher tenha uma aparência digna, que seja coerente com a imagem dele mesmo". Ele prossegue dizendo: "Se alguma mulher que esteja lendo este livro puder dizer: 'Se o meu marido morrer, depois do luto vou perder quinze quilos, mudar o meu penteado e comprar rou­pas novas', ela pode ter certeza disso: o seu marido secretamente deseja que ela vá em frente e faça isso agora".2
O espírito interior de uma mulher também precisa ser atraente para o seu marido. Em l Pedro 3.3-6 está es­crito que para que uma mulher seja realmente bonita ela deve ter o "incorruptível trajo de um espírito man­so e quieto". Isso não significa que ela esteja quieta durante todo o tempo, mas que mostre um espírito amá­vel que o seu marido deseja ter por perto. É a vontade de Deus que uma mulher - alguém tão completamente feminina e impres­sionante para o homem - o ajude a baixar a guarda e faça com que ele se sinta à vontade para deixar a sua masculinidade aflorar. Ela é completamente feminina e ele é completamente masculino, e os dois formam "um" lindo ser.
A beleza precisa do seu homem. O homem precisa da sua bele­za. Deus designou que essa unidade nos deleitasse, nos energizasse, e satisfizesse nossos anseios de sermos desejados. Em l Coríntios 7.3-5 lemos: "O marido pague à mulher a devida benevolência, e da mesma sorte a mulher, ao marido. A mulher não tem poder sobre o seu próprio corpo, mas tem-no o marido; e também, da mesma ma­neira, o marido não tem poder sobre o seu próprio corpo, mas tem-no a mulher. Não vos defraudeis um ao outro, senão por consenti­mento mútuo, por algum tempo, para vos aplicardes à oração; e, de­pois, ajuntai-vos outra vez, para que Satanás vos não tente pela vos­sa incontinência".
Você quer ser a beleza no romance que Deus está escrevendo para você e seu marido? Eu quero. Então vamos praticar e ser a bele­za, por dentro e por fora, aquela que não tem medo de seduzir, e vamos nos regozijar!
Construindo o seu relacionamento - Acho que vou deixar você ser criativa e escrever a sua tarefa para hoje.
Pensamento para o dia - Regozije-se! Não é neces­sário dizer mais nada.

Desvendando o Futuro

DESVENDANDO O FUTURO
de Rubel Shelly

Nós seres humanos não somos peritos em predizer o futuro. Inúmeros
palpites errados e pensamentos falhos acumulam como lixo ao longo da
Estrada da história da humanidade. Quanto mais a gente fala com
certeza, maior a probabilidade de passarmos vergonha. "Tudo que pode
ser inventado já foi inventado", declarou Charles H. Duell, o
comissário norte-americano de patentes, em 1899.
Horace Rackham foi aconselhado por um presidente da Caixa Econômica
de Michigan a não investir na Ford Indústria de Motores, em 1903. "O
cavalo está aqui para ficar", ele predisse, "mas o automóvel é apenas
uma novidade – uma moda passageira." Felizmente para Rackham, o
advogado de Henry Ford, ele ignorou a falta de visão do banqueiro e
comprou ações no valor de $5,000. Vários anos depois, ele as vendeu
por $12.5 milhões de dólares.
Ao rejeitar uma banda aspirante em 1962, o representante da Decca
Records fez esta destemida profecia sobre o futuro dela na música,
"Não gostamos do som deles. Grupos com guitarras estão em extinção."
Assim, a gravadora deixou de gravar os Beatles. "Não há razão para
que qualquer pessoa tenha um computador em casa", disse o presidente
e fundador da Digital Equipment Corporation em 1977.
Clifford Roberts, fundador do prestigiado Torneio de Mestres do Golf
(Masters Tournament), uma vez disse, "Enquanto eu viver, jogadores de
golf serão broncos, e os caddies serão negros." É claro que ele não
possuía a presciência para antever nem o Movimento dos Direitos
Humanos, nem o domínio de Tiger Woods no golf profissional.
Coisas como estas estão além da nossa capacidade de previsão.
Sempre é bom ter humildade quando tentamos prever o que vem no
futuro. Mas, não há certezas sobre o amanhã? Não há nada no que
ancorar nossa esperança? Eis duas promessas para manter em mente
nesses tempos estressantes.
.. nem qualquer outra coisa na criação será capaz de nos separar do
amor de Deus que está em Cristo Jesus, nosso Senhor. (Romanos 8:39
NVI)
Não sobreveio a vocês tentação que não fosse comum aos homens. E Deus
é fiel; ele não permitirá que vocês sejam tentados além do que podem
suportar. Mas, quando forem tentados, ele mesmo lhes providenciará um
escape, para que o possam suportar. (1 Coríntios 10:13 NVI)
Mercados e o futuro da economia global, música e outros
aspectos da cultura, descobertas na ciência e na Medicina – todos
estão além da nossa habilidade de previsão. Mas as certezas
espirituais baseadas nas promessas seguras de Deus tiram a incerteza
de hoje e nos ajudam a seguir adiante com confiança.
Se você quer ter alguma confiança em relação ao futuro, focalize sua
atenção na única Pessoa que realmente sabe algo sobre ele.

Os nomes de Deus - Todo Poderoso |



Os nomes de Deus - Todo Poderoso  |  Pastor Sérgio Fernandes

Gênesis 17:1 - ¶ Sendo, pois, Abrão da idade de noventa e nove anos, apareceu o SENHOR a Abrão, e disse-lhe: Eu sou o Deus Todo-Poderoso, anda em minha presença e sê perfeito.


Como disse anteriormente, Deus atribuiu a si diversos nomes na Bíblia Sagrada. Esta foi a maneira pela qual Ele revelou à humanidade seu caráter e seus atributos! O segundo nome que Ele revelou nas páginas sagradas foi "Deus Todo Poderoso".

Deus tem todo poder! Não lhe falta força para executar seus propósitos, muito menos recursos para por em ação os seus santos intentos. Quando decide salvar, não há impedimentos! Quando decide agir, não há barreiras que o impeçam.

Dobre seus joelhos em oração com essa certeza viva no coração: "Meu Deus pode tudo". Mesmo aquilo que é impossível para você, não será para Ele (Zc 8.6). Confie no Todo-Poderoso! Ele não irá lhe desapontar!



Sobre a oração

 
 
1. O nosso amorável Senhor nos convida a buscá-Lo.
"Ora, se vós, que sois maus, sabeis dar boas dádivas aos vossos filhos, quanto mais o Pai celestial dará o Espírito Santo àqueles que lho pedirem?" (Lucas 11:13).
Ó tu que escutas a oração, a ti virão todos os homens, (Salmos 65:2)
porque em verdade vos afirmo que, se alguém disser a este monte: Ergue-te e lança-te no mar, e não duvidar no seu coração, mas crer que se fará o que diz, assim será com ele. Por isso, vos digo que tudo quanto em oração pedirdes, crede que recebestes, e será assim convosco. (Marcos 11:23-24)
2. Assegure-se de que sua vida está rendida à vontade de Deus. Esteja disposto a deixar tudo o que não está em harmonia com Sua vontade.
E esta é a confiança que temos para com ele: que, se pedirmos alguma coisa segundo a sua vontade, ele nos ouve. E, se sabemos que ele nos ouve quanto ao que lhe pedimos, estamos certos de que obtemos os pedidos que lhe temos feito. (1 João 5:14-15)
Adiantando-se um pouco, prostrou-se sobre o seu rosto, orando e dizendo: Meu Pai, se possível, passe de mim este cálice! Todavia, não seja como eu quero, e sim como tu queres. (Mateus 26:39)
3. Leve a Ele tudo aquilo que o aflige ou o preocupa de algum modo.
lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós. (1 Pedro 5:7)
Confia os teus cuidados ao SENHOR, e ele te susterá; jamais permitirá que o justo seja abalado. (Salmos 55:22)
4. Inclua o louvor, a gratidão e a ação de graças em todas as suas orações.
fazendo sempre, com alegria, súplicas por todos vós, em todas as minhas orações, (Filipenses 1:4)
Seja a paz de Cristo o árbitro em vosso coração, à qual, também, fostes chamados em um só corpo; e sede agradecidos. Habite, ricamente, em vós a palavra de Cristo; instruí-vos e aconselhai-vos mutuamente em toda a sabedoria, louvando a Deus, com salmos, e hinos, e cânticos espirituais, com gratidão, em vosso coração. E tudo o que fizerdes, seja em palavra, seja em ação, fazei-o em nome do Senhor Jesus, dando por ele graças a Deus Pai. (Colossenses 3:15-17)
Em tudo, dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco. (1 Tessalonicenses 5:18)
5. O Propósito da oração é levar-nos a unir a nossa mente a Deus e manter uma profunda comunhão com Ele.
Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele, e ele, comigo. (Apocalipse 3:20)
para que, segundo a riqueza da sua glória, vos conceda que sejais fortalecidos com poder, mediante o seu Espírito no homem interior; e, assim, habite Cristo no vosso coração, pela fé, estando vós arraigados e alicerçados em amor, a fim de poderdes compreender, com todos os santos, qual é a largura, e o comprimento, e a altura, e a profundidade e conhecer o amor de Cristo, que excede todo entendimento, para que sejais tomados de toda a plenitude de Deus. (Efésios 3:16-19)
6. Deus o convida a encontrar um lugar tranquilo para orar e buscá-Lo a cada dia com todo o seu coração.
Tendo-se levantado alta madrugada, saiu, foi para um lugar deserto e ali orava. (Marcos 1:35)
Buscar-me-eis e me achareis quando me buscardes de todo o vosso coração. (Jeremias 29:13)
7. Aprenda a orar em voz alta quando só Deus possa ouvir.
Adiantando-se um pouco, prostrou-se sobre o seu rosto, orando e dizendo: Meu Pai, se possível, passe de mim este cálice! Todavia, não seja como eu quero, e sim como tu queres. (Mateus 26:39)
De uma feita, estava Jesus orando em certo lugar; quando terminou, um dos seus discípulos lhe pediu: Senhor, ensina-nos a orar como também João ensinou aos seus discípulos. (Lucas 11:1)
8. Registre as respostas de Deus e conte as Suas bençãos.
Recordar-te-ás de todo o caminho pelo qual o SENHOR, teu Deus, te guiou no deserto estes quarenta anos, para te humilhar, para te provar, para saber o que estava no teu coração, se guardarias ou não os seus mandamentos. (Deuteronômio 8:2)
Lembrai-vos das maravilhas que fez, dos seus prodígios e dos juízos dos seus lábios, (1 Crônicas 16:12)


______
Jayana Ramalho Ventura

quarta-feira, 30 de março de 2011

Um Caminho Limpo

 


Um Caminho Limpo
"Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando
envelhecer não se desviará dele" (Provérbios 22:6).


Uma pequena menina seguia seu pai que vistoriava uma nova
plantação. Ela andava exatamente por onde seu pai andava. Em
determinado momento ela fala ao pai: "Papai, se você
conseguir evitar a lama em seus pés eu também não me sujarei
de lama!" O pai que ama a seus filhos procura andar em um
caminho limpo.


Estamos nós conscientes de que somos responsáveis pela vida
e futuro de nossos filhos? Temos procurado ser um modelo ou
exemplo para eles? Temos nos esforçado para lhes dar uma
educação correta a fim de que sejam vitoriosos e felizes?


Os filhos costumam seguir os passos dos pais. Vêem o que
eles fazem e tentam imitá-los. Eles são seus heróis, as
pessoas que julgam perfeitas e tentam, de todas as formas,
parecer com eles.


Um pai que vive bêbado pode conduzir os filhos ao mesmo
caminho. Um pai que não respeita a ninguém não poderá
impedir que seus filhos sejam iguais. Um pai que mente na
frente dos filhos não conseguirá fazer com que estes sejam
sempre verdadeiros. Ele pode ser a razão de um futuro
vitorioso ou pleno de derrotas para a sua casa.


Precisamos cuidar de nossos filhos, conduzi-los pelos
caminhos da honestidade e respeito, da verdade e da retidão,
da pureza e da humildade. Precisamos iluminar os caminhos
por onde irão passar e, com muito amor e dedicação,
ensinar-lhes o caminho de Deus. Seguros nas mãos do Senhor,
eles caminharão em segurança, fortalecerão as esperanças,
crescerão em fé, realizarão os bons sonhos, serão mais que
vencedores e viverão satisfeitos.


Se você deseja que seus filhos sejam felizes e abençoados,
evite os "caminhos de lama"... ande por "caminhos limpos."

Paulo Roberto Barbosa

Deus é fiel!!

DEUS

 

Quando o sonho se desfaz,
Deus reconstrói.
Quando se acabam as forças,
Deus renova.

Quando é inevitável conter as lágrimas,
Deus dá alegria.
Quando não há mais amor,
Deus o faz nascer.

Quando a maldição é certa,
Deus transforma em bênção.
Quando parecer ser o final,
Deus dá novo começo.

Quando a aflição quer persistir,
Deus nos envolve com a paz.
Quando a doença assola,
Deus é quem cura.

Quando o impossível se levanta,
Deus o torna possível.
Quando faltam as palavras,
Deus sabe o que queremos dizer.

Quando tudo parece se fechar,
Deus abre uma nova porta.
Quando você diz: não vou conseguir,
Deus diz: Não temas, pois estou contigo.

PREVENINDO PESARES

 
PREVENINDO PESARES

Nunca permita que o seu senso de moral venha a impedi-lo de fazer o que é certo. Isaac Asimov

Os pesares da vida – de modo geral – não podem ser totalmente apagados, mas podem ser evitados. Um dia, - lá na frente - você irá olhar para o dia de hoje. O que vai determinar se você vai olhar para o dia de hoje com pesar ou com satisfação irá depender inteiramente daquilo que você está fazendo agora.

Esse "agora" está nas suas mãos. Apesar de haver muitas circunstâncias que estão além do seu controle, essas mesmas circunstâncias não têm tanta importância quando comparadas com as coisas sobre as quais você tem controle – seus pensamentos e suas ações. Apesar do futuro ser incerto, uma coisa é cristalina e abundantemente clara: quanto mais positivo e mais corretamente você usar o seu presente, mais positivas opções você poderá criar para si mesmo, não importando o que o futuro venha a trazer-lhe.

Imagine você olhando para trás, no dia de hoje, em algum ponto no futuro. O que você gostaria de ter feito? Pois bem… agora é a sua única oportunidade de fazer algo essencialmente relevante. Qual será o seu pesar daqui a alguns anos? Em vez de ficar conjecturando lá na frente "Por que eu não ………" coloque-se numa posição na qual você vai dizer com satisfação a si mesmo: "estou feliz por ter tomado tal atitude!"

Nélio DaSilva

Para Meditação:

O que perturba a sua casa herda o vento,  e o insensato é servo do sábio de coração. Provérbios 11:29

Levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima

 

João 16:33  Tenho-vos dito isto,
                    para que em mim tenhais paz;
                    no mundo tereis aflições,
                    mas tende bom ânimo, eu venci o mundo.      


    
                     Levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima

rejeição, popularmente conhecida como a causa da ruína de muitos,
curiosamente também opera como um poderoso catalisador de forças,
transformando fracassados em campeões.
Veja-se o caso de Jefté, o controverso juiz de Israel.
Filho de uma prostituta, foi rejeitado pelos irmãos e lançado fora da família.
Era um caso que tinha todos os ingredientes para dar errado… E deu!
Juntou-se a um bando de vadios e tornou-se um homem temível.
Sabe lá Deus o que Jefté andou fazendo na companhia daquela cambada de marginais…


De alguma forma utilizou-se da própria raiva,
da injustiça sofrida, para construir uma auto-estima notável…
Jefté tomou uma atitude com respeito à rejeição sofrida.
Não ficou pelos cantos cantando o hino oficial dos derrotados…
Jefté foi à luta! Ergueu-se das cinzas da rejeição e construiu uma reputação para si.

Deus tem um carinho especial para com os rejeitados.
Entretanto, a atitude daqueles que foram vitimados pela rejeição
é fundamental para definir o curso que a vida seguirá.
Apesar de tratado como bastardo e escorraçado de casa pelos irmãos
da esposa legítima de seu pai,
Jefté não permitiu que a amargura sufocasse o seu coração.
O tempo veio em que Jefté foi lembrado como opção para enfrentar
aqueles que oprimiam seu povo.
Procuraram-no e ofereceram-lhe as lideranças da nação
se concordasse em defendê-los contra os inimigos.
Em vez de recorrer ao revanchismo e choramingar pela humilhação a que fora submetido,
Jefté aceitou de bom coração a proposta e em momento algum remexeu o passado triste.
Quando adotamos uma postura positiva, ainda que o sofrimento prove-se grande demais,
o resultado será surpreendente. Outros rejeitados ilustres,
como Jefté, apresentaram uma atitude nobre diante da rejeição. Estes acabam honrados no final da história…


Os irmãos de José o rejeitaram… resultado?
Os patrícios de Moisés o rejeitaram… resultado?
Os irmãos de Jesus o rejeitaram… resultado?
Os conterrâneos de Paulo o rejeitaram… resultado?


A palavra de Deus cumpriu-se na vida de Jefté.
Em lugar da vergonha, ele recebeu dupla honra.
O segredo está na forma como ele reagiu ao agravo sofrido.
De acordo com a resposta, a rejeição pode construir ou destruir…
Deus sempre ajuda os rejeitados que apresentam uma atitude correta…
Deus os resgata da beirada do precipício.
Nada de amargura,
nada de rancor,
nada de vingança,
nada de revanche
Vamos levantar,
sacudir a poeira e dar a volta por cima!
E isto com nobreza…
Esta será,
sem dúvida,
a melhor resposta àqueles que te trataram com desprezo!

Crendo no que não se vê


É fácil aceitar no coração a crença em algo e viver dentro de uma perspectiva de espera, mesmo não enxergando qualquer indício de que realmente possa acontecer?
Cristo por meio da sua graça infinita e de seu amor incondicional nos convida a vivermos assim, somos desafiados a plantar a semente da fé, para no futuro colher os frutos das conquistas reveladas por Deus ao nosso coração.
Quem disse que seria fácil? "... o Reino dos céus é tomado a força, e os que usam de força se apoderam dele" MT. 11.12 Todos os dias somos desafiados a nos achegarmos cada vez mais perto Deus, e por Ele somos moldados a ponto de estarmos aptos a cumprirmos seus propósitos. Ser moldado faz parte do processo para aprendermos a avançar cada vez mais, mas e quando não sabemos para onde ir? E quando parece que as respostas não são tão claras e certeiras?
A vontade geral de Deus sobre nossa vida é expressa em toda sua Palavra, por meio de nossa crença nela seremos levados a entendermos o querer de Deus para cada um de nós. "Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redargüir, para corrigir, para instruir em justiça" II TIM 3.16
Visitando uma igreja, o pastor disse palavras certeiras: Pedimos um sinal, pedimos uma resposta clara e audível aos nossos ouvidos e por vezes agimos como Elias, achamos que encontraremos a voz de Deus em situações sobrenaturais, estrondosas. "E depois do terremoto um fogo; porém também o SENHOR não estava no fogo; e depois do fogo uma voz mansa e delicada." I Rei. 19.12
Muitas vezes para realizarmos algo, ou para acreditarmos em algo colocamos a condição "eu farei..., ou acreditarei somente "se"... Entre nós e Deus não pode haver a condição "se". Seria bem conveniente para nós se Deus corresse a nos responder sempre de bandeja com isso que benefício haveria para nós... como disse o pastor, diante de uma situação Deus quer que cresçamos, nós não temos que saber as repostas antes da hora, não temos que saber muitos por quês. Deus não vai agir dessa forma...vivemos pela graça e a graça nos ensina a vivermos por fé. Deus diz: Se eu disser você não vai aprender a andar em fé, não vai aprender a confiar em mim! "Porque nele se descobre a justiça de Deus de fé em fé, como está escrito: Mas o justo viverá da fé." Rom. 1. 17
Assistindo um testemunho de Jeremy Camp sobre o falecimento de sua primeira esposa as palavras foram às mesmas quando questionou a "Deus quer que saibamos andar por fé e não por vista", se soubermos todas repostas não saberemos andar por fé... Com todo nosso coração. Não alcancemos a maturidade que Deus tanto deseja para nós, não nos entregaremos totalmente aos seus cuidados e não soltaremos toda nossa vida em suas mãos. Quando nos desafiamos a vivermos em fé então experimentamos a graça de Deus sobre a todo instante, não serão sinais estrondosos, radicais... Mas na leve brisa, nas pequenas coisas, na palavra de um irmão, um versículo que nos vêm à mente, uma canção que de repente toca, uma situação que acontece... Deus está nos guiando... Em fé. Não devemos ter apenas a esperança, temos que ter a fé que torna a esperança viva...Não é uma fé sem propósito, senão vira puro otimismo, mas é uma fé baseada em algo real que á a Palavra de Deus, esta é a base de nossa fé! É crer como a Palavra diz e pronto!
Tenho aprendido a cada dia a confiar mais nessa palavra, a andar por fé e não por vista... Deus tem me tratado e ensinado a crer cada vez mais no seu poder e propósitos. Às vezes sou muito impulsiva e ansiosa isso é algo que Deus tem trabalhado em mim, mas temperamentos e comportamentos podem ser naturalmente transformados por Deus, e o nosso jeito único Ele usa para sua Glória!
Mas é muito bom descobrir enfim que a Palavra de Deus é cheia de riquezas espirituais e apresenta uma graça infindável manifesta pelo amor do Criador por sua criação. Quanto mais dependemos da graça de Deus mais inundados somos pelo seu amor, a graça nos leva a viver em uma nova dimensão de vida. Passamos a lidar com a vida ao nosso redor olhando-a por outro ângulo, o da fé. Isso nos permite termos maior confiança necessária para podemos dessa forma crer no que não se vê. Não se esqueça: Deus nos vê através do nosso futuro e não através do nosso passado!    
maior confiança necessária para podemos dessa forma crer no que não se vê. Não se esqueça: Deus nos vê através do nosso futuro e não através do nosso passado!    
Deus nos abençoe…Danny

O poder da arrogância (boa !!!!!)



 

O PODER DE UM CRACHÁ

Um policial federal vai a uma fazenda e diz ao dono, um velho fazendeiro:
- Preciso inspecionar sua fazenda. Há uma denúncia de plantação ilegal de maconha.
O fazendeiro diz:
-Ok, mas não vá naquele campo ali." E aponta para uma determinada área.

O oficial P...' da vida diz indignado:
- O senhor sabe que tenho o poder do governo federal comigo?"
e tira do bolso um crachá mostrando ao fazendeiro:
-Este crachá me dá a autoridade de ir onde quero.... e entrar em qualquer propriedade. Não preciso pedir ou responder a nenhuma pergunta. Está claro? me fiz entender?"

O fazendeiro todo educado pede desculpas e volta para o que estava fazendo.
Poucos minutos depois o fazendeiro ouve uma gritaria e vê o oficial do governo federal correndo para salvar sua própria vida perseguido pelo Santa Gertrudes, o maior touro da fazenda.  A cada passo o touro vai chegando mais perto do oficial, que parece que será chifrado antes de conseguir alcançar um lugar seguro. O oficial está apavorado.

O fazendeiro larga suas ferramentas, corre para a cerca e grita com todas as forças de seus pulmões:

- "Seu Crachá, mostra o seu CRACHÁ!"

BONS PORTOS

 
 BONS PORTOS
ATOS 27:1-26

Costeando-a, penosamente, chegamos a um lugar chamado Bons Portos...
At 27.8

Ouve, oh Pai, o meu clamor,
Ouve o que diz meu coração, Senhor.
O inimigo se levanta furioso,
Mas só o Senhor é todo-poderoso,
E, com teu coração bondoso,
Podes me ouvir e nos livrar.
Ouve, Senhor, o nosso clamor.
Estamos em aperto, o inimigo nos faz cerco
E tenta nos matar, ou fazer nosso olhar de ti desviar.
Matar os sonhos, o chamado.
Tenta abafar a tua voz que nos chama,
Tenta apagar a chama do chamado do Senhor.

Paulo, o apóstolo do Senhor Jesus, estava sendo levado preso para Roma sob a guarda de um centurião chamado Júlio, da Corte Romana. Aristarco e Lucas eram seus companheiros de viagem. Embarcaram num navio adramitino, e depois de uma breve parada em Sidom, foram até Mirra, onde trocaram de navio. Navegaram muitos dias, vagarosa e dificultosamente, margeando Creta, e chegaram a Bons Portos. Era um bom lugar para se descansar, mas não dava para invernar ali.
A viagem conturbada de Paulo até Roma se assemelha muito à nossa jornada pela vida. Assim como o objetivo de Paulo era chegar ao imperador, nós também estamos indo rumo ao nosso Rei. Há momentos de bonança na viagem, com ventos favoráveis soprando. Existem ocasiões de paradas e até turismo em admiração às obras do Senhor. Contudo a viagem tem de continuar. Depois de Bons Portos, Paulo enfrentou naufrágio, a voragem do mar, cansaço e riscos mil. Mas ele estava na direção correta: fazer a vontade do seu soberano Senhor; chegar a Roma e testemunhar acerca de sua fé.
Às vezes, na nossa jornada, somos tentados a ficar em Bons Portos. Mas a nossa chamada é ir além. Não conhecemos o que nos aguarda no transcurso, mas sabemos onde ancoraremos: certamente na casa do Pai, onde uma grande festa nos espera.

PAI, SÊ TU O PILOTO DE MEU BARCO EM TODO O PERCURSO NESTA TERRA. AMÉM.

-> Texto tirado do livro: Dia a Dia - Meditações para uma vida com Deus (Ângela Valadão Cintra - Diante do Trono)

Atenciosamente,

IARA CRISTINA (RTLX) 

Cative o Coração dele Lysa TerKeurst Capítulo 18 e 19

 


CAPÍTULO 18

A CHAVE PARA TORNAR-SE AMIGA DE SEU MARIDO... SORRIA!


Art e eu gostamos de ensinar juntos em nossa igreja. Ele é o organizado, que cuida para que todos os "i" tenham o seu pingo e para que todos os "t" estejam cortados. Eu sou a divertida que cuida para que as aulas sejam agradáveis. Você nunca sabe o que pode acontecer quando estou ministrando.
Certa noite estávamos falando sobre os dons espirituais. Ele fa­laria durante vinte minutos e então eu falaria por vinte minutos; de­pois trocaríamos outra vez. Eu estava começando uma das minhas sessões quando com o canto do olho vi que Art estava escrevendo um bilhete. Vi que o bilhete era para mim porque pude ver meu nome escrito no topo. Então espiei o fim do bilhete, onde estava escrito: "Eu te amo assim... Art".
Meu coração cresceu de alegria. Meu marido estava escre­vendo um bilhete de amor para mim, bem no meio da aula! Dei uma aula super animada. Estava totalmente entusiasmada, com pensamentos do tipo: Ele me acha bonita! Ele está conquistado pela minha beleza! Ele me ama tanto! Sou a mulher mais sortuda do mundo!
Finalmente, não consegui agüentar mais. Eu tinha que ler o bi­lhete. Dei aos alunos a tarefa de escrever sobre um versículo longo, o que me deu tempo para pegar o bilhete e deliciar-me com ele.
"Querida Lysa, a sua narina esquerda está suja. Eu a limpo se você quiser. Eu te amo assim... Art".
A palavra "mortificada" nem sequer começa a descrever o que senti. Terminei minha sessão rapidamente, escondendo o meu nariz o mais que pude e pedi licença para ir ao banheiro. O que descobri no banheiro não era pouca coisa. "Uma coisa horrorosa" é a única maneira de descrever o que eu tinha em meu nariz. Se alguém pu­desse morrer de vergonha, eu o teria feito.
Encabulada, voltei à aula. De repente, tive uma idéia hilariante. Voltei para o lado de Art, peguei o bilhete e escrevi no pé da página "VOCÊ TAMBÉM!"
Pobre Art, ele arregalou os olhos e mal conseguiu terminar a sua sessão com todos os seus esforços para limpar ou esconder seu na­riz. Claro, não havia nada errado com o seu nariz, mas eu tinha que dividir com ele toda aquela emoção.
Naquela noite, no caminho para casa, ríamos histericamente so­bre tudo o que havia acontecido. Em algum ponto daqueles risos a idéia de que tínhamos nos tornado excelentes amigos me atingiu. Quem, exceto o seu melhor amigo, pode dizer: "Eu a limpo se você quiser. Eu te amo assim..."
De alguma maneira, ao longo de nossos altos e baixos des­cobrimos essa preciosa e rara face do nosso relacionamento — a capacidade de ser amigos e de rir um com o outro. Em Provérbios 17.22 está escrito: "O coração alegre ser­ve de bom remédio". Como isso é verdadeiro!
"O humor pode ser desenvolvido, e deveria ser, porque é bom para a saúde". Os benefícios conhecidos do riso incluem:
• O riso estimula o sistema imunológico.
• O riso ativa várias partes do cérebro ao invés de ativar um componente de uma única área. Talvez essa seja a única razão pela qual as pessoas freqüentemente acham que uma boa dose de riso pode dar início a uma explosão de criatividade e de solu­ção de problemas.
• É um bom exercício para a caixa cardiotoráxica. Aumenta a atividade do coração e estimula a circulação. Depois do riso, o sistema cardiovascular entra em um estado de relaxamento.
• Muda o limiar da dor. Foi demonstrado que cinco minutos de riso podem ocasionar até duas horas de alívio das dores.
• Reduz o estresse.
• Estabiliza o humor.
• Descansa o cérebro.
• Facilita a comunicação.1
Muitas vezes em meu casamento eu não reagi a algumas situa­ções com riso, mas sim com amargura e ressentimento. Reagir com ira nunca leva a nada positivo. Durante esses anos aprendi a impor­tância de fazer escolhas que levem a bons resultados, ao invés de simplesmente reagir às circunstâncias. Aprender a rir com Art foi a chave que abriu a porta de nossa amizade.
Deixe-me aconselhá-la a aprender a rir com o seu marido. Da próxima vez que você sentir a tensão aumentando, tome a decisão consciente de dispersá-la com uma palavra gentil ou engraçada. Em Provérbios 12.25 está escrito: "A solicitude no coração do homem o abate, mas uma boa palavra o alegra".
Pense no líder de um time em um jogo. O que faz quando o time erra? Diz a seu time: "Está tudo bem pessoal, não tem problema. Esforcem-se, vamos ganhar de qualquer jeito!" Não seria ótimo ter essa atitude com os nossos maridos quando as situações de tensão aparecem? Decidir-se pela gentileza, pelo encorajamento ou mesmo demonstrar humor não é a reação mais fácil, mas é a melhor. Se consigo encontrar humor na sujeira do nariz, estou convencida de que é possível encontrar riso em qualquer situação.
Construindo o seu relacionamento - Pergunte ao seu ma­rido se vocês dois conseguem falar sobre os seus momentos mais embaraçosos na vida. Se você quiser, partilhe com ele este momento que passei e vocês dois poderão rir juntos.
Pensamento para o dia - Tudo tem o seu tempo de­terminado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu... tempo de chorar e tempo de rir.
Eclesiastes 3.1,4



CAPITULO 19

DEUS NOS FEZ FISICAMENTE DIFERENTES


Oh! Como somos diferentes. Não conhecemos essas dife­renças apenas a partir de nossas experiências diárias, mas as pesquisas provam que elas existem. Aqui estão alguns fatos descobertos através de estudos sobre as diferenças entre os ho­mens e as mulheres:
• Antes do nascimento, já se observam diferenças entre os se­xos. O Dr. Frank Duffy registrou a atividade cerebral em meni­nos e meninas ainda no útero e descobriu que existem dois com­primentos de onda diferentes.2
• Estudos médicos mostraram que durante a décima oitava e a vigésima sexta semana de gravidez ocorre algo no cérebro dos fetos masculinos que distingue os sexos para sempre. Hormônios relacionados com o sexo inundam o cérebro de um bebê do sexo masculino fazendo com que o lado direito regrida ligeiramente, destruindo algumas das fibras conectoras. Como resultado, na maioria dos casos, um meni­no começa a vida com maior atividade do lado esquerdo do cérebro. (O lado esquerdo contém a maior parte dos centros mentais lógicos, analíticos, efetivos e agressivos). 3
• Desde o nascimento as meninas têm mais movimentos labiais que os meninos.4
• Na idade pré-escolar, quase cem por cento dos sons que as meninas produzem são palavras reconhecíveis. Para os meni­nos, somente 68 por cento dos sons são reconhecíveis ao passo que os outros 32 por cento são sons de uma sílaba. 5
• Na idade adulta, está demonstrado que um homem normal fala cerca de 12.500 palavras por dia, ao passo que uma mulher normal fala 25.000!6
Deus nos fez diferente para que quando estivéssemos juntos, pudéssemos constituir um único ser, um belo ser, que glorificasse a Deus. Não se trata de estar juntos para ver qual é o certo e qual é o errado, e então separar o "errado". Não, trata-se de construir e inves­tir nossas forças para ajudar o nosso marido a ser tudo o que Deus pretende que ele seja, e ele fará o mesmo por você. Quando isto acontece, forma-se uma bonita imagem de afirmação física, sexual, emocional e espiritual.
Em outros capítulos tratamos os aspectos sexual, emocio­nal e espiritual da afirmação. Então quero lhe contar uma história de afirmação física que espero que lhe traga inspiração. É a história de Peter Foster, um pilo­to da Força Aérea Real Britânica na Segunda Guerra Mundial. Durante uma batalha aérea, Foster foi vítima de um terrí­vel incêndio. Ele sobreviveu, mas o seu rosto ficou irreconhecível pelas queimaduras. Foster passou muitos momentos de ansiedade no hospital, imaginando se a sua família — especialmente sua noiva — ainda o aceitariam. Sim, eles o aceitaram. A sua noiva lhe assegu­rou que nada havia mudado, exceto alguns poucos milímetros de pele. Dois anos mais tarde eles se casaram. Foster disse sobre sua mulher: "Ela se tornou o meu espelho. Ela me deu uma nova ima­gem de mim mesmo. Quando olho para ela, recebo um sorriso calo­roso e cheio de amor que me diz que estou bem".7
Essa história está no livro devocional Night Light, do Dr. James c Shirley Dobson. Eles comentam essa história dizendo: "É assim que o casamento deve funcionar— deve haver uma admiração mú­tua que compense um milhão de defeitos e que construa a auto-estima dos dois parceiros".8
Que grande exemplo de ultrapassar as diferenças e fazer a dife­rença na vida do outro. Deus nos fez diferentes — não para obstruir­mos um ao outro, mas para nos ajudarmos mutuamente.
Construindo o seu relacionamento - Faça uma lista das qualidades do seu marido e escreva-lhe uma carta de agrade­cimento por tudo de bom que ele trouxe à sua vida.
Pensamento para o dia - A vossa palavra seja sem­pre agradável.
Colossenses 4.6



CAPÍTULO 20

AMANDO OS PNEUZINHOS

Antes de mais nada, devo dizer a vocês que o meu marido é uma das pessoas mais em forma que já conheci. Se há al­guém que vai lutar contra os pneuzinhos, esse alguém serei eu. Na verdade, não pneuzinhos, mas verdadeiros alforjes. Porém mesmo estando em forma Art quer e pede a minha afirmação em algumas áreas. O problema é que todos temos algo em nós mesmos de que não gostamos. Pontos onde a insegurança nos derruba. Abaixo do Senhor, o amor incondicional do nosso cônjuge pode e deve ser de grande conforto para nós.
Vemos que os nossos maridos se expõem como são, e que­rem saber se os aceitamos. Os homens fingem muito bem em público. Parecem fortes, seguros e autoconfiantes. Eles devem ser os líderes, os protetores, os tomadores de decisão. Porém, em seu interior correm rios de dúvida e de incerteza. Eles preci­sam da afirmação de suas esposas — para dizer-lhes que os amam sob quaisquer circunstâncias.
Um bom exemplo desse "amor incondicional" pode ser encon­trado na história de Dave Dravecky (um jogador profissional de bei­sebol) e sua mulher, Jan. Na obra When You Can't Come Back o casal descreve em forma de crônica os acontecimentos e as emoções da luta de Dave contra o câncer, do seu retorno surpreendente ao esporte e da devastadora amputação daquele braço arremessador que já havia ganhado tantos prêmios.
Desde que Dave era apenas um garoto, o seu mundo girava em torno do beisebol. Quando cresceu e descobriu que era um arremessador de talento, sua identidade se centrava naquele bra­ço. Ele disse: "meu braço era para mim o que as mãos são para um pianista de concerto, o que as pernas são para uma bailarina, o que os pés são para um corredor de maratona... era o que me fazia valioso, o que me trazia a riqueza, ao menos aos olhos do mundo. De repente, meu braço já não estava mais lá. Quanto de mim se foi com ele? Quanto do que as pessoas pensavam de mim se foi com ele?"
Ele prosseguiu falando sobre Jan: "Como minha mulher se sen­tiria? O que ela pensaria de um homem que já não era capaz de amarrar seus próprios sapatos? Será que ela ainda me acharia atraente, ou sentiria repulsa ao ver-me nu, com o meu corpo mutilado? Quando saí do hospital e voltei para casa, percebi... que tudo o que Jan queria era ter o seu marido de volta".
Ele concluiu dizendo: "Por mais importante que tivesse sido na minha infância, por mais importante que tivesse sido para o meu sustento, o meu braço não significava nada para as pessoas mais importantes da minha vida. O que importava é que eu estivesse vivo e em casa".1
Lembre-se dos votos que muitos de nós repetimos ingenuamen­te: "na alegria e na tristeza, na saúde e na doença". Amar incondicionalmente significa permitir que os nossos maridos saibam, por nos­sos atos e palavras, que estaremos ao seu lado, não importando se tiverem muito dinheiro ou se forem um fracasso nos negócios. Esta­remos com eles quando forem fortes e capazes, e ainda estaremos com eles se ficarem doentes ou mutilados. Eles têm uma parceira por toda a vida, quer estejam saudáveis e em forma, quer estejam enrugados, grisalhos ou curvados. Exatamente como aquele antigo comercial de Band-aid, nossos maridos precisam saber que somos apaixonadas por eles.
Para um depoimento mais pessoal, aqui vai uma nota de Art:
Sempre me esforcei para economizar e investir com sabe­doria o dinheiro da nossa família. É importante para mim ter como providenciar o sustento mensal e planejar o nosso futuro econômico. Talvez parte de minha importância estivesse envol­ta nas minhas capacidades financeiras. Eu sabia que tudo vinha de Deus, e era cuidadoso não apenas em economizar, mas tam­bém ao entregar o dízimo. Mas um dia, meu plano econômico tão cuidadosamente construído veio abaixo quando um dos meus investimentos apresentou um mau resultado. Devo dizer que isso abalou o meu íntimo.
Eu não conseguia entender por que Deus nos permitira per­der tanto, quando estávamos tentando ser fiéis mordomos com aquilo que Ele nos havia confiado. Fiquei muito mal, meu espírito tinha sido esmagado e a minha confiança baixou a um nível nunca antes atingido. Pensei que Lysa estaria tão arrasada quan­to eu, o que fazia com que eu me sentisse ainda pior. Ao invés disso, quando lhe falei da gravidade da situação, ela me envol­veu em seus braços e disse-me que tudo terminaria bem. É sur­preendente como as suas palavras de conforto se tornaram para mim uma fonte de energia, e aliviaram toda a mágoa e angústia que eu estava sentindo.
Sei que um marido que prove segurança é uma das maiores necessidades de uma mulher. O amor incondicional de Lysa em uma área em que ela é mais vulnerável é uma excepcional forma de alívio para mim. Se ela tivesse reagido de acordo com as minhas expectativas, eu teria continuado a preocupar-me com o problema e sua solução. Ao invés disso, ela permitiu que eu me aliviasse e que me concentrasse na direção de Deus e em sua promessa de cuidar de nós. Depois ela me disse algo que jamais esquecerei. Ela disse: "Art, eu te amo pelo que você é, não pelo que você tem". Não consigo expressar o que o amor incondicio­nal de Lysa, àquela altura, significava para mim.
Esposas, estejam certas de que houve muitas vezes em que eu poderia ter estragado tudo, mas felizmente escolhi a reação ade­quada naquela ocasião. Em Habacuque 3.17-19 está escrito: "Por­quanto, ainda que a figueira não floresça, nem haja fruto na vide; o produto da oliveira minta, e os campos não produzam mantimento; as ovelhas da malhada sejam arrebatadas, e nos cur­rais não haja vacas, todavia, eu me alegrarei no Senhor, exultarei no Deus da minha salvação. Jeová, o Senhor, é minha força, e fará os meus pés como os das cervas, e me fará andar sobre as minhas alturas". Se você me permitir, usarei minha inspiração e escreverei Habacuque 3 sobre o casamento:
Embora ele tenha engordado um pouco e perdido um pouco de cabelo, embora o castelo com que sempre sonhei seja hoje apenas um rancho de três quartos, embora eu não tenha criados e haja apenas uma mini-van bastante usada na garagem, ainda assim eu me alegrarei no marido com o que o Senhor me abençoou, exultarei em ser a esposa deste homem. O Senhor soberano é a minha força; ele me ajuda a ter um bom comportamento durante o período pré-menstrual, Ele me er­gue acima das pilhas de roupa para lavar e me ajuda a ver a importân­cia eterna de ser a amante, a ajudante e a amiga do meu marido.
Construindo o seu relacionamento - Escreva as palavras "Eu amo você pelo que você é para todo o sempre", em pequenos pedaços de papel e esconda-os em lugares em que o seu marido certamente os encontrará. Procure oportunidades para assegurá-lo do seu amor diariamente.
Pensamento para o dia -... com toda a humildade e mansidão, com longanimidade, suportando-vos uns aos outros em amor.
Efésios 4.2
__._,_.___