BENVINDO

Minha foto

 Sou servo do Senhor desde 2001,sirvo a Deus na Igreja do Evangelho Quadrangular,  obreiro formado no Instituto Teológico Quadrangular, professor da Escola Bíblica,  casado com Elisângela a 25 anos , pai de 2 filhos maravilhosos,  buscando cada dia conhecer mais ao Senhor. Meu maior desejo é ser " uma bênção" e abençoar àqueles que estão perto e através da web os que estão longe.  Que as bênçãos do Senhor seja transbordante sobre a sua vida, sobre sua casa , sobre sua família, sobre o seu ministério, querido(a) e amado(a) irmão(ã) em Cristo Jesus. 

sábado, 29 de abril de 2017

Confiar Exige

Texto: Provérbios 3.1-12
Introdução: Confiança é um derivado da fé, pois, quem tem fé crê e confia. Confiança resulta em segurança devido ao bom conceito que se faz de alguém. Quando cremos e confiamos somos produtivos e vivemos em paz conosco, com as pessoas e com Deus. A confiança é generosa, derrama a multiforme Graça de Deus, mas é exigente.
1 - Memorizar e obedecer à palavra de Deus 
"Filho meu, não te esqueças dos meus ensinos, e o teu coração guarde os meus mandamentos; porque eles aumentarão os teus dias e te acrescentarão anos de vida e paz" (vs.1,2).
Aquele que confia em Deus memoriza a Sua Palavra guardando seus ensinamentos no coração. Esta confiança proporcionará a longevidade, vida e paz. 
Todas as pessoas sensatas desejam vida longa com paz e prosperidade, mas Deus exige conhecer e obedecer à Palavra para que a benção seja derramada.
2 - Lealdade e fidelidade a Deus 
“Não te desamparem a benignidade e a fidelidade; ata-as ao pescoço; escreve-as na tábua do teu coração e acharás Graça e boa compreensão diante de Deus e dos homens” (vs.3,4).
No sentido mais profundo "não te desamparem a benignidade e a fidelidade" quer dizer "não deixe de ser leal e verdadeiro"; portanto, se assim agirmos teremos o favor de Deus e a sua fidelidade - "Pois o SENHOR é bom; o seu amor dura para sempre, e a sua fidelidade não tem fim" (Salmo 100:5).
3 - Não confiar na sabedoria humana 
"Confia no SENHOR de todo o teu coração e não te estribes no teu próprio entendimento. Reconhece-o em todos os teus caminhos, e ele endireitará as tuas veredas. Não sejas sábio aos teus próprios olhos; teme ao SENHOR e aparta-te do mal" (vs.5-7).
Coração, na linguagem antiga, é sinônimo de cérebro e inteligência. Então, a recomendação é que apenas confiemos no Senhor, negando toda a suficiência humana, ou seja, intelectualidade e diplomas não levam ninguém para o céu.
A sabedoria que salva é confiar em Deus, pois a pessoa vaidosa acha-se sábia aos seus próprios olhos e arranja muitas confusões. Quando confiamos em Deus ele nos livra de todo o mal e de todas as pessoas más - "Confie em Deus, o SENHOR, e faça o bem e assim more com toda a segurança na Terra Prometida. Que a sua felicidade esteja no SENHOR! Ele lhe dará o que o seu coração deseja. Ponha a sua vida nas mãos do SENHOR, confie nele, e ele o ajudará. Ele fará com que a sua honestidade seja como a luz e com que a justiça da sua causa brilhe como o sol do meio-dia" (Salmo 37:3-6 NTLH).
4 - Dar a deus o que é de Deus 
“Honra ao Senhor com os teus bens e com as primícias de toda a tua renda; e se encherão fartamente os teus celeiros, e transbordarão de vinho os teus lagares” (vs.9,10).
Aquele que confia dá a Deus o que é de Deus honrando-o com as primícias de tudo o que ganha e obedecendo ao mandamento bíblico sobre o dízimo (Malaquias 3.10; Mateus 6.23). Quem confia obedece e experimenta a prosperidade do Reino de Deus.
5 - Não rejeitar a correção de Deus 
“Filho meu, não rejeites a disciplina do Senhor, nem te enfades da sua repreensão. Porque o Senhor repreende a quem ama, assim como o pai, ao filho a quem quer bem” (vs.11,12).
Quem confia aceita ser disciplinado, mesmo que doa, pois é a demonstração do amor do Pai para que não tenha prejuízo maior ou venha a cair na perdição eterna - " porque o Senhor corrige a quem ama e açoita a todo filho a quem recebe. É para disciplina que perseverais (Deus vos trata como filhos); pois que filho há que o pai não corrige? Mas, se estais sem correção, de que todos se têm tornado participantes, logo, sois bastardos e não filhos" (Hebreus 12:6-8).
Conclusão: Só confia em Deus quem já confessou a Jesus como Senhor e Salvador, pois confiar é uma disposição gerada pelo poder do Espírito Santo, na alma do ser humano, por ter decidido ser Crente e Fiel. Você confia em Deus ou pensa que confia?
Pastores Jário e Lúcia
http://www.esbocosdesermoes.com/2013/03/confiar-exige.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário