BENVINDO

Minha foto

 Sou servo do Senhor desde 2001,sirvo a Deus na Igreja do Evangelho Quadrangular,  obreiro formado no Instituto Teológico Quadrangular, professor da Escola Bíblica,  casado com Elisângela a 25 anos , pai de 2 filhos maravilhosos,  buscando cada dia conhecer mais ao Senhor. Meu maior desejo é ser " uma bênção" e abençoar àqueles que estão perto e através da web os que estão longe.  Que as bênçãos do Senhor seja transbordante sobre a sua vida, sobre sua casa , sobre sua família, sobre o seu ministério, querido(a) e amado(a) irmão(ã) em Cristo Jesus. 

terça-feira, 23 de maio de 2017

Devocionais Diários

Devocionais Diários


Uma Razão Para Ter Esperança

Posted: 22 May 2017 08:01 PM PDT

"E a esperança não nos decepciona, porque Deus derramou seu amor em nossos corações, por meio do Espírito Santo que ele nos concedeu." (Romanos 5:5)

Às vezes Deus é glorificado através da remoção de uma aflição. Quando temos um problema, pessoas oram conosco. E quando o problema é resolvido, louvamos a Deus por isso. Se um médico realiza uma cirurgia e um ente querido se livra de um câncer, agradecemos a Deus. Agradecemos ao médico também, mas sabemos que Deus é quem na verdade está no controle.

Mas há momentos em que a cirurgia não vai ser tão bem sucedida como esperávamos. Há momentos em que a doença não vai ser curada. O problema não será resolvido. É então que Deus pode ser glorificado através da perseverança durante a aflição. E é através das dificuldades que vamos desenvolver esperança.

Talvez você pense que a melhor maneira para encontrar esperança é tendo uma vida sem problemas. Mas não. A melhor maneira de encontrar esperança é através das crises da vida. Em Romanos 5:3-5, lemos: "[...] mas também nos gloriamos nas tribulações, porque sabemos que a tribulação produz perseverança; a perseverança, um caráter aprovado; e o caráter aprovado, esperança. E a esperança não nos decepciona, porque Deus derramou seu amor em nossos corações, por meio do Espírito Santo que ele nos concedeu".

A esperança virá através das dificuldades. Assim, quando um cristão sofre e ainda glorifica a Deus, isso nos tranquiliza de que nunca haverá um vale tão profundo que Deus não possa nos tirar dele.

Isso também nos lembra que a morte não é o fim. A morte física não é o fim da existência. Ela é apenas uma mudança no estado de existência. O túmulo não é a entrada para a morte, mas a entrada para a vida. O céu é a vida terrena do cristão, glorificada e aperfeiçoada. Quando um cristão morre ele entra na presença de Deus. Essa é a esperança final.

Nenhum comentário:

Postar um comentário