BENVINDO

Minha foto

 Sou servo do Senhor desde 2001,sirvo a Deus na Igreja do Evangelho Quadrangular,  obreiro formado no Instituto Teológico Quadrangular, professor da Escola Bíblica,  casado com Elisângela a 25 anos , pai de 2 filhos maravilhosos,  buscando cada dia conhecer mais ao Senhor. Meu maior desejo é ser " uma bênção" e abençoar àqueles que estão perto e através da web os que estão longe.  Que as bênçãos do Senhor seja transbordante sobre a sua vida, sobre sua casa , sobre sua família, sobre o seu ministério, querido(a) e amado(a) irmão(ã) em Cristo Jesus. 

sábado, 29 de abril de 2017

Razões por que Deus diz “não” para nós

Texto: "Mas da árvore da ciência do bem e do mal, dela não comerás..." (Gênesis 2.17)
Introdução: Muitos cristãos que têm como característica de vida ser fiel a Deus, vez por outra, se encontram em meio a um amontoado de questionamentos. Muitos vivem se perguntando: Por que Deus disse “não” como resposta ao pedido que lhe fiz?
Pode ser que você  esteja nesta situação, e se de fato, esta for a realidade que você esta vivendo, preste atenção redobrada, pois, você descobrirá, que em certas ocasiões, Deus nos diz não, pelo fato d’Ele nos amar de forma inexplicável.
Objetivo da mensagem: Mostrar que Deus disse “não” a Adão e Eva - simplesmente porque queria protegê-los, e juntamente com eles, toda a humanidade da natureza pecaminosa que foi herdada de Adão e Eva, pelo fato de ambos terem desrespeitando o “não” de Deus, comendo do fruto da arvore do bem e do mal.
Dito isto a nível introdutório, imagine você chegando ao zoológico, e logo após arrumar todos os seus pertences, em um lugar apropriado, você inicia uma jornada com o objetivo de visitar cada espécie de animal, em seu devido lugar de habitação, de acordo com sua natureza.
De repente, você vai de encontro a uma imensa jaula repleta de leões, e, ao aproximar-se da mesma, percebe-se que tem um aviso colocado pela direção do zoológico com o seguinte teor... “Não toque na jaula”.
Pergunto...“Por que a direção do zoológico preocupou-se em deixar um aviso que dizia para os visitantes, não tocarem na jaula dos leões?” “Será que é porque eles queriam simplesmente ditar regras para a vida dos visitantes?” “Será que era para transmitir uma imagem de que quem dava as ordens no zoológico eram eles?”
Bom, na verdade, nenhum destes questionamentos está correto. Por quê? É simples! O aviso só foi colocado na jaula, objetivando lembrar que ninguém deveria tocá-la, pois, a direção do zoológico tinha ciência que se algum desavisado encostasse na jaula repleta de leões, certamente iria se machucar, ou, até mesmo perder a vida, pois os leões, certamente atacariam qualquer um que tocasse em sua jaula.
Quando Deus disse “não” para Adão e Eva, era porque Ele sabia que se eles alimentassem do fruto da árvore do bem e do mal, eles iriam ser penalizados com a sentença de morte. "porque, no dia em que dela comeres, certamente morrerás" (Gênesis 2.17).
Com muita frequência Deus diz “não” para nós, em relação a uma casa que está nos nossos planos para comprá-la, ou um carro, uma viagem, uma profissão, um casamento e etc.
Entretanto, a pergunta que não quer calar é, “por que Deus diz não para muitas coisas que aos nossos olhos julgamos ser boas?” “Será que é pelo fato de Deus ser arbitrário?” “Será que é autoritarismo em determinar regras apenas para ter o prazer de ver o ser humano cumpri-las?” Ou quando Deus diz “não” para nós, é um “não”, a semelhança do “não” da direção do zoológico, que tinha como objetivo proteger os visitantes dos ferozes leões.
E quanto a você?Esta chateado (a) por que Deus disse um “não” em relação a sua oração? Cada pessoa precisa estar atenta para esta verdade: Adão e Eva não respeitaram o “não” de Deus, e como consequência, veio sobre a vida de ambos e de toda humanidade, o carrasco chamado pecado. Portanto, como por um homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens por isso que todos pecaram. (Romanos 3:9).
E como se não fosse suficiente, também o homem virou servo do pecado. Em verdade, em verdade vos digo que todo aquele que comete pecado é servo do pecado. (João 8:34).
E sujeito à morte. Eis que todas as almas são minhas; como o é a alma do Pai, assim também a alma do Filho é minha: a alma que pecar, essa morrerá (Ezequiel 18.4).
Foi para evitar a morte espiritual, física e eterna que Deus disse “não” para nossos primeiros pais que residia no jardim do Éden, foi para protegê-los, e proteger,não somente eles, mas também toda a humanidade que teve origem neles.
Por estas, e muitas outras razões, Deus muitas vezes diz “não” para nós. Pois na verdade, Ele quer nos proteger, porque Ele que conhece o fim desde o principio, sabe que no futuro, muitas de nossas decisões trarão consequências que vão nos machucar muito, ou até nos levar perder a salvação.
Quanto ao “não” que Deus nos fala, talvez no momento tenhamos dificuldade de compreender o porquê de sua recusa em nos atender. Se Deus disse “não” para você em relação ao desejo de seu coração, é porque Ele está te livrando de complicações em sua vida no futuro.
Em relação a Deus, temos que entender uma lição que se resume assim: Melhor do que compreendê-Lo, é simplesmente obedecê-Lo, pois sempre que Ele falar “não” para nós é, porque Ele quer nos proteger.
E a razão desta proteção, não é outra, senão, o grande amor inexplicável que Deus tem para com cada um de nós. Portanto, descansa no Senhor, pois o melhor da parte de Deus lhe será concedido, na hora já designada por Ele, para abençoar sua vida.
Conclusão: A atitude mais sábia de nossa parte no relacionamento com Deus, deve ser de glorificá-Lo, quando ele bondosamente falar “sim” em relação aos nossos projetos de vida. Da mesma forma, quando Deus bondosamente falar “não”, devemos de coração grato a Ele, glorificá-Lo, e nunca desobedecê-lo como Adão e Eva, pois,geralmente quando Deus diz não, certamente e para nos proteger de consequências que iriam nos fazer sofrer, tanto no presente como no futuro.
Pr. Antônio Eugenio Fortes Pacifico

http://www.esbocosdesermoes.com/2013/04/razoes-por-que-deus-diz-nao-para-nos.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário