BENVINDO

Minha foto

 Sou servo do Senhor desde 2001,sirvo a Deus na Igreja do Evangelho Quadrangular,  obreiro formado no Instituto Teológico Quadrangular, professor da Escola Bíblica,  casado com Elisângela a 25 anos , pai de 2 filhos maravilhosos,  buscando cada dia conhecer mais ao Senhor. Meu maior desejo é ser " uma bênção" e abençoar àqueles que estão perto e através da web os que estão longe.  Que as bênçãos do Senhor seja transbordante sobre a sua vida, sobre sua casa , sobre sua família, sobre o seu ministério, querido(a) e amado(a) irmão(ã) em Cristo Jesus. 

sábado, 7 de janeiro de 2017

Esboço de Sermão

Esboço de Sermão


A Lei de Deus sobre o casamento

Posted: 06 Jan 2017 11:06 AM PST

A Lei de Deus sobre o casamento
Texto: Marcos 10:2-12

Introdução: Hoje há muita confusão e controvérsia sobre o casamento. Muitos acreditam que podem se casar com quem quiserem, definir casamento como quiserem e terminá-lo sempre que quiserem. Deus instituiu o casamento; portanto, Suas leis definem e regulam o casamento.

Este sermão considera o que a Bíblia diz sobre a lei Deus sobre o casamento.

1. A origem do casamento

A. O casamento é de Deus (Marcos 10:6-9) - Deus é quem une um casal em casamento
B. Estabelecido no princípio (Marcos 10:6, Gênesis 2:24) - a mulher foi feita especialmente para o homem (Gênesis 2:18, 21-22)
C. Precede o governo civil - primeira cidade e reino veio mais tarde (Gênesis 4:17; 10:8-10); o casamento não é dependente do governo ou definido pelo governo
D. Precede a sociedade – o casamento começou no Jardim do Éden com apenas duas pessoas (Gênesis 2:15-25); o casamento não é definido pela cultura
E. Precede a Lei de Moisés - Os fariseus tentaram citar uma "exceção" na Lei de Moisés (Marcos 10:4; Deuteronômio 24:1-4); Jesus foi ao princípio (Gênesis 2:24), antes da lei; a lei foi dada aos judeus (Romanos 9:4), mas o casamento é para todos os homens
F. Precede a igreja - a igreja não foi estabelecida até o dia de Pentecostes (Atos 2); o casamento não é uma "ordenança da igreja"

2. A elegibilidade para o casamento

A. Homem e mulher (Marcos 10:6-8) - um homem e uma mulher; não "casamento" do mesmo sexo ou poligamia
B. Deus "os fez homem e mulher" (Marcos 10:6) – a maior atenção e aceitação hoje de indivíduos "transgêneros"; ao contrário do que Deus fez
C. Nem todo casal de homem e mulher é elegível para casar sob a lei de Deus - elegibilidade para aqueles que nunca foram casados ​​(Marcos 10:7), aquele cujo cônjuge morreu (Romanos 7:2-3), e aqueles que se separara do seu cônjuge por conta da fornicação (Mateus 19:9)
D. Os que se casam, mas não são elegíveis para casar, cometem adultério (Mateus 19:9, Romanos 7:3) - chamado de adultério porque o "vínculo matrimonial" ainda está intacto, apesar da separação física

3. O processo para entrar no casamento

A. Intenção de iniciar um novo lar (Marcos 10:7)
B. Votos / aliança (Malaquias 2:14) - promessas e compromissos feitos uns aos outros
C. Consumação do casamento (Marcos 10:8)
D. Deus une o casal em casamento (Marcos 10:9) - "vínculo matrimonial"; se um casal não é elegível para se casar, Deus não os "une" (Marcos 6:17-18)

4. Final de um casamento

A. Caminho natural - morte (Romanos 7:2-3)
B. Exceção autorizada – separar-se do companheiro por fornicação (Mateus 19:9); autorizado, mas não obrigatório; muito a ser dito para a reconciliação quando possível
C. O divórcio por outras causas é pecaminoso (Marcos 10:9) - qualquer casamento subsequente é adultério (Marcos 10:11-12)

Conclusão

A. O casamento é uma bênção de Deus (Provérbios 18:22) - mas devemos respeitar suas leis para o casamento (Hebreus 13:4)
B. Como a nossa sociedade continua a atacar o casamento, vamos estar prontos para defender a verdade

Nenhum comentário:

Postar um comentário