BENVINDO

Minha foto

 Sou servo do Senhor desde 2001,sirvo a Deus na Igreja do Evangelho Quadrangular,  obreiro formado no Instituto Teológico Quadrangular, professor da Escola Bíblica,  casado com Elisângela a 24 anos , pai de 2 filhos maravilhosos,  buscando cada dia conhecer mais ao Senhor. Meu maior desejo é ser " uma bênção" e abençoar àqueles que estão perto e através da web os que estão longe.  Que as bênçãos do Senhor seja transbordante sobre a sua vida, sobre sua casa , sobre sua família, sobre o seu ministério, querido(a) e amado(a) irmão(ã) em Cristo Jesus. 

terça-feira, 29 de novembro de 2016

Esboço de Sermão

Esboço de Sermão


O Evangelho da Adoção

Posted: 28 Nov 2016 02:31 PM PST

O Evangelho da Adoção
Texto: Gálatas 4:1-20

Introdução: Este é o quarto dos seis sermões que examinam o evangelho no livro de Gálatas. Este sermão focalizará o evangelho como uma mensagem de adoção. Podemos nos tornar filhos de Deus. Uma vez que o façamos, devemos viver de uma certa maneira.

1. O anúncio

A. Cristo veio na plenitude dos tempos (Gálatas 4:4) - este era o tempo apropriado (paz, linguagem universal, estradas / viagens, império romano, etc.); Deus não estava reagindo, Ele sabia quando isso seria (Daniel 2:44); Lembrando que Deus faz as coisas em Seu tempo, então devemos ser pacientes (Salmo 37:7, 18)
B. Somos filhos e herdeiros por meio de Deus (Gálatas 4:7) - temos o privilégio de sermos filhos de Deus (1 João 3:1); nós não nascemos filhos de Deus, devemos nascer de novo (João 3:3; 1 Pedro 1:23); como Seus filhos, temos uma herança (Apocalipse 21:7); esta adoção veio porque fomos redimidos (Gálatas 4:5) da maldição da Lei (Gálatas 3:13) pela morte de Jesus na cruz (Tito 2:14, 1 Pedro 1:18-19, Efésios 1:7)
C. Vós conhecestes a Deus (Gálatas 4:9) - aprendemos dele por meio de Sua palavra (João 1:1, 14, 18, 14:18-19, 20:30-31); nós nos tornamos conhecidos por Deus porque o amamos (1 Coríntios 8:3, ver João 14:15); mais do que apenas Deus sabe sobre nós, temos comunhão com Ele e Seus filhos (Gálatas 4:6-7)

2. A instrução

A. Torne-se como eu sou (Gálatas 4:12) - não foi a primeira vez que Paulo fez tal declaração (Atos 26:28-29); Paulo queria que esses cristãos fossem como ele era; sendo totalmente devotados a Cristo (Gálatas 2:20, ver Romanos 12:1)
B. Esteja disposto a sacrificar pelos outros (Gálatas 4:15) - apesar de algumas advertências e repreensões nesta carta, os Gálatas estavam fazendo algumas coisas boas; estavam dispostos a se sacrificar por Paulo; Paulo estava disposto a sacrificar por outros (2 Coríntios 12:15, 2 Timóteo 2:8-10); isso é o que significa mostrar amor pelos outros (colocar outros em primeiro lugar)
C. Quando você não conhecia a Deus, você era escravo (Gálatas 4:8) - antes de ser adotado por Deus e ter uma herança nele (antes de serem cristãos); liberdade só vem do Senhor (João 8:31-32, 36); outros não podem prover isto (2 Pedro 2:19); eles foram escravizados ao pecado (João 8:34, ver Romanos 6:16)

3. A Advertência

A. Não se torne escravo novamente (Gálatas 4:9) - um cristão pode cair (Gálatas 5:4; 1 Coríntios 9:27); podemos escolher seguir outro mestre (Romanos 6:16), mas não podemos servir a dois (Mateus 6:24); este outro mestre, seja o que for, é "fraco e sem valor" e não pode comparar com Cristo
B. Não se volte contra aqueles que ensinam a verdade (Gálatas 4:16) - muitas vezes a reação ao evangelho (Amós 5:10); a história de Paulo (Atos 9:23-24; 14:19; 16:22-23; 21:30-31; 22:22); precisamos aceitar humildemente a verdade (Tiago 1:19-21); quando ouvimos alguma coisa, mesmo que nos ofenda, devemos examiná-la de acordo com as Escrituras (Atos 17:11); os sábios aceitarão a correção (Provérbios 13:1)
C. Não permita que os falsos mestres se aproveitem de você (Gálatas 4:17) - os falsos mestres tentarão afastá-los de Cristo (Gálatas 1:6 e Atos 20:30); a única maneira que eles serão bem-sucedidos é se não estivermos vigilantes ou cuidadosos (2 Pedro 3:17); nós devemos testar, marcar e evitar falsos mestres (1 João 4:1, Romanos 16:17, 2 João 10-11)

Conclusão

A. Através da morte de Jesus na cruz, podemos "receber a adoção como filhos" (Gálatas 4:5) - ser herdeiros de Deus (Gálatas 4:7)
B. Não se permita ser desviado da verdade - seja inteiramente devotado a Deus e fielmente O sirva

Nenhum comentário:

Postar um comentário