BENVINDO

Minha foto

 Sou servo do Senhor desde 2001,sirvo a Deus na Igreja do Evangelho Quadrangular,  obreiro formado no Instituto Teológico Quadrangular, professor da Escola Bíblica,  casado com Elisângela a 25 anos , pai de 2 filhos maravilhosos,  buscando cada dia conhecer mais ao Senhor. Meu maior desejo é ser " uma bênção" e abençoar àqueles que estão perto e através da web os que estão longe.  Que as bênçãos do Senhor seja transbordante sobre a sua vida, sobre sua casa , sobre sua família, sobre o seu ministério, querido(a) e amado(a) irmão(ã) em Cristo Jesus. 

quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Devocionais Diários

Devocionais Diários


A Única Autoridade a Respeito do Céu

Posted: 04 Oct 2016 08:01 PM PDT

"Ninguém jamais subiu ao céu, a não ser aquele que veio do céu: o Filho do homem." (João 3:13)

O número de pessoas que acreditam na vida após a morte está mais elevado do que nunca. Uma grande pesquisa foi feita recentemente na qual se perguntou às pessoas sobre sua crença em Deus e na vida após a morte. Das 18.000 pessoas questionadas em 23 países, 51 por cento estavam convencidas de que há vida após a morte e de que há um Deus. Nos EUA, a crença é ainda maior, com 76 por cento dos americanos crendo no paraíso.

A crença na vida após a morte não é um privilégio dos nossos dias. Quase todas as culturas crêem que haja algo depois do túmulo. Os egípcios acreditavam nisso, claro. Os arqueólogos recentemente descobriram uma barca funerária numa das Grandes Pirâmides, supostamente para o faraó Khufu navegar os céus na outra vida.

Os antigos gregos frequentemente punham uma moeda na boca dos mortos para pagar a travessia do mítico rio da morte até a terra da vida eterna.

Os índios americanos enterravam os guerreiros com cavalo, arco e flechas para que eles pudessem cavalgar até os campos das felizes caçadas.

Na Groenlândia, os esquimós que morriam na infância eram tradicionalmente enterrados com seu cão, a fim de que ele os guiasse pelos supostos ermos gelados da morte.

Todas essas ideias estavam enviesadas, ou erradas mesmo. Mas uma coisa em que acertaram foi a crença na vida além desta vida. Mesmo no tempo de Jesus, muitos judeus tinham uma ideia aberrante da vida após a morte porque não olhavam o que as Escrituras ensinavam.

De acordo com Jesus, há realmente vida depois do túmulo. Por que deveríamos aceitar a palavra d'Ele e não a de outro? Jesus está qualificado para falar do assunto porque veio do céu, e para o céu voltou. É por isso que Cristo - e só Cristo - pode falar desse assunto com autoridade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário