BENVINDO

Minha foto

 Sou servo do Senhor desde 2001,sirvo a Deus na Igreja do Evangelho Quadrangular,  obreiro formado no Instituto Teológico Quadrangular, professor da Escola Bíblica,  casado com Elisângela a 24 anos , pai de 2 filhos maravilhosos,  buscando cada dia conhecer mais ao Senhor. Meu maior desejo é ser " uma bênção" e abençoar àqueles que estão perto e através da web os que estão longe.  Que as bênçãos do Senhor seja transbordante sobre a sua vida, sobre sua casa , sobre sua família, sobre o seu ministério, querido(a) e amado(a) irmão(ã) em Cristo Jesus. 

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Devocionais Diários

Devocionais Diários


Encontrando o Equilíbrio

Posted: 23 Oct 2016 07:01 PM PDT

"O Senhor conduza os seus corações ao amor de Deus e à perseverança de Cristo." (2 Tessalonicenses 3:5)

Jesus disse que o primeiro e maior mandamento é: "Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento" (Mateus 22:37). O Evangelho de Marcos acrescenta a palavra "forças" a esta declaração (Marcos 12:30).

Para dividir em partes, o coração, para a mente hebraica, dizia respeito ao núcleo de um ser, enquanto a alma se refere à emoção. É a mesma palavra que Jesus usou quando Ele clamou no Jardim do Getsêmani: "A minha alma está profundamente triste, numa tristeza mortal" (Mateus 26:38). E amar a Deus com todo o nosso entendimento carrega a ideia de avançar com energia e força.

Então, para resumir, o amor genuíno pelo Senhor é inteligente. Ele é sensível. Ele é disposto. E ele é servidor.

Algumas pessoas gostam de Deus com toda a sua mente, mas não há coração nelas. Elas gostam de estudar. Gostam de estar teologicamente corretas, mas não há paixão em suas vidas. Por outro lado, algumas pessoas amam a Deus com todo o seu coração, sua paixão e emoção, mas não têm se disciplinado a estudar a Bíblia. Como resultado, são facilmente desviadas. Precisamos de todas essas coisas em jogo para amar a Deus como devemos.

Conheço pessoas que são defensoras rigorosas de uma doutrina correta, mas muitas delas são péssimas, arrogantes, condenadoras. Elas vão tomar a verdade e usá-la como uma marreta na vida de outra pessoa. Eu também sei de pessoas que são muito ativas e ocupadas com Deus, mas seu amor por Ele parece faltar.

Se aprendermos a amar a Deus com todo o nosso coração, alma e mente, então encontraremos em nossas vidas um equilíbrio adequado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário