BENVINDO

Minha foto

 Sou servo do Senhor desde 2001,sirvo a Deus na Igreja do Evangelho Quadrangular,  obreiro formado no Instituto Teológico Quadrangular, professor da Escola Bíblica,  casado com Elisângela a 25 anos , pai de 2 filhos maravilhosos,  buscando cada dia conhecer mais ao Senhor. Meu maior desejo é ser " uma bênção" e abençoar àqueles que estão perto e através da web os que estão longe.  Que as bênçãos do Senhor seja transbordante sobre a sua vida, sobre sua casa , sobre sua família, sobre o seu ministério, querido(a) e amado(a) irmão(ã) em Cristo Jesus. 

quarta-feira, 27 de julho de 2016

Esboço de Sermão

Esboço de Sermão


Nunca Mais...

Posted: 26 Jul 2016 05:31 AM PDT

Nunca Mais
Texto: Gênesis 8:21

Introdução: Há momentos em que as coisas acontecem em nossas vidas que afirmamos que nunca mais vai acontecer. Contudo, o que muitas vezes acontece é que estas coisas acontecem novamente, apesar da nossa afirmação de que elas não voltariam a acontecer. Esta é uma maneira na qual Deus é superior a nós. Se Ele promete que algo nunca vai acontecer de novo, isso não vai acontece.

Neste sermão, vamos observar algumas coisas que Deus disse que nunca iria acontecer novamente.

1. Nunca mais destruir a terra com água (Gênesis 8:21; 9:11, 15)

A. Logo no início do registro bíblico, o mundo foi destruído por um diluvio - apenas Noé e sua família foram salvos
B. Por que a terra foi destruída com água e depois? - Devido à maldade do homem (Gênesis 6:5-7); porque Noé era justo, ele achou graça aos olhos de Deus e foi salvo (Gênesis 6:8-9)
C. A terra será destruída um dia, mas de uma maneira diferente (2 Pedro 3:7, 10) - não vai ser destruída pela água novamente, porque isso é o que Deus disse (Gênesis 8:21; 9:11, 15)
D. Depois do dilúvio, Deus enfatizou os ciclos perpétuos da vida (Gênesis 8:22)
E. As bênçãos de Deus continuarão para todos (Atos 14:17) - este é um exemplo da bondade de Deus, não Sua lentidão (2 Pedro 3:9)

2. Nunca mais Israel veria os seus opressores egípcios (Êxodo 14:13)

A. Os israelitas eram escravos no Egito - Deus, através de Moisés, livrou-os; mas Faraó os perseguiu
B. As pessoas temiam que os seus opressores fossem pegá-los e matá-los (Êxodo 14:10-12) - isto foi apesar de todas as pragas que eles testemunharam, provando o poder de Deus sobre Faraó
C. No entanto, Deus livrá-los-ia (Êxodo 14:13) - eles não tinham razão para temer; o exército que estava perseguindo-os não seria visto novamente; Deus iria derrotá-los (Êxodo 14:14)
D. Paralelo a Deus livrando-nos da escravidão do pecado (Romanos 6: 16-18) - quando obedecemos ao evangelho
E. Se uma pessoa retorna à escravidão, é por opção (Romanos 6:16; Josué 24:15) - não é porque Deus falhou (Isaías 59:1-2); Jesus tornou impotente o pode do diabo (Hebreus 2:14-15)

3. Nunca mais haverá guerra entre as nações (Isaías 2:4)

A. Isaías profetizou do reino que será estabelecido (Isaías 2:2-4) - aberto a todas as nações e povos
B. Este reino não seria um reino terrestre (João 18:36) - mas um reino espiritual; devido a isso, ele iria durar para sempre (Daniel 2:44)
C. O reino de Cristo não usaria armas carnais para levar a cabo a sua missão (Mateus 26:51-52) - nunca mais o povo do Senhor usaria armas carnais para avançar Sua causa (2 Coríntios 10:3-4)
D. As guerras continuam a existir - não que isso seja uma profecia falha, mas porque o homem rejeita Deus (Romanos 13:10)
E. Quando as pessoas passam a fazer parte do reino de Cristo, essa cidadania substitui qualquer cidadania terrena - a nossa pátria está nos céus (Filipenses 3:20); Portanto, nosso objetivo é agradar ao Senhor (2 Coríntios 5:9)

Conclusão

A. Embora possamos tolamente afirmar que algo em nossas vidas nunca vai acontecer de novo, quando Deus diz que algo nunca mais vai acontecer, significa que não vai acontecer mesmo.
B. Precisamos aprender as lições dessas passagens que examinamos - (1) Deus julgou o mundo e irá julgá-lo novamente, (2) podemos ser salvos se nós o seguirmos, e (3) a cidadania em Seu reino está aberto a todos

Nenhum comentário:

Postar um comentário