BENVINDO

Minha foto

 Sou servo do Senhor desde 2001,sirvo a Deus na Igreja do Evangelho Quadrangular,  obreiro formado no Instituto Teológico Quadrangular, professor da Escola Bíblica,  casado com Elisângela a 25 anos , pai de 2 filhos maravilhosos,  buscando cada dia conhecer mais ao Senhor. Meu maior desejo é ser " uma bênção" e abençoar àqueles que estão perto e através da web os que estão longe.  Que as bênçãos do Senhor seja transbordante sobre a sua vida, sobre sua casa , sobre sua família, sobre o seu ministério, querido(a) e amado(a) irmão(ã) em Cristo Jesus. 

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

CONVITE PARA A SALVAÇÃO




CONVITE PARA A SALVAÇÃO - JOÃO 7:37


"Se alguém tem sede, venha a mim e beba."















"Se alguém ... " - O convite é condicional.
Há os que não aceitam o convite .
Há os que o aceitam, impondo, entretanto, sua condição:
Continuar gozando o mundo.
Há os que querem a benção: os que tem fome e sede de
justiça.
O convite é condicional : " SE" ( livre arbítrio )
Quem aceita tem que vir (" Venha a mim...")
Participar - "Beba"
Beber do cálice é participar do destino de quem oferece
( O Senhor Jesus ).


CONCLUSÃO:

No processo da salvação, destacam-se os seguintes aspectos:
a) O convite para a bênção.
b) O Senhor garante a bênção.
c) A benção é de graça.
" Se você tem sede venha a mim e beba. "
" Disse Jesus: Quem tem sede venha a mim e beba."


http://mensagensrevelada.blogspot.com.br/. Blog Mensagens Revaladas 
-->

MOMENTO ATUAL HERESIA E APOSTASIA, ESTEJAIS ATENTOS!!



MOMENTO ATUAL HERESIA E APOSTASIA, ESTEJAIS ATENTOS!!


A QUEM ENVIAREI, E QUEM HÁ DE IR POR NÓS? 

Isaias. 6:8 – Depois disto ouvi a voz do Senhor, que dizia: A quem enviarei e quem há de ir por nós? Então disse eu: Eis-me aqui, envia-me a mim.

 1. INTRODUÇÃO

O Profeta Isaías é preparado pelo Senhor para falar ao seu povo que havia se desviado dele e que estava em grande dificuldade de ouvir.
Sua mente estava bloqueada e a alma doente. 
No meio do povo de Israel entrou a heresia e a apostasia.
        HERESIA: Doutrina oposta a Deus que promove facções. (desvio da Verdade)
        APOSTASIA: Desvio da fé (vamos e sirvamos a outros deuses). ( pratica da Heresia)

Por isso a pergunta do Senhor: A quem enviarei? Quem vai estar em condições de anunciar ao povo desviado e corrompido a verdade que salva?
Quem vai estar em condições de discernir a vontade do Senhor e anunciar o caminho da salvação?
Israel precisava ouvir o único remédio para alma é a verdade, uma palavra para tirá-lo da mentira. 

 2. A VERDADE

Deus concedeu ao homem a sua verdade salvadora mas ele foi após os seus enganos e entrou por desvios mudando a verdade de Deus em mentira.
A meia-verdade e a verdade-e-meia, é a verdade relativa que não satisfaz a alma, e que conduz a mentira.
A religião, desde o princípio entrou para o lado das meias verdades, mudando totalmente as orientações de Deus.
Deus separou o seu povo Israel para fazer a sua vontade. No mundo somente Israel tinha o Deus verdadeiro e as outras nações outros deuses e suas religiões.
A forma que o adversário sempre utilizou para corromper o povo de Deus foi exatamente através da palavra destorcida, introduzindo heresias para que as mentiras pareçam verdade e para que a religião dos deuses estranhos pareça a obra de Deus.


 3. A SITUAÇÃO VIVIDA POR ISRAEL

Israel vivia a situação relatada no capítulo anterior em Isaias 5, onde O Senhor diz todo o bem e tudo que fez com Israel, o seu pecado e o seu juízo:

 LAMENTAÇÃO DO SENHOR:

        5:1 – Agora cantarei ao meu amado o cântico do meu querido a respeito da sua vinha. O meu amado tem uma vinha num outeiro fértil. 
        5:2 - cercou-a, e limpando-a das pedras, plantou-a de excelentes vides; e edificou no meio dela uma torre, e também construiu nela um lagar; e esperava que desse uvas boas, porém deu uvas bravas. E
        5:3 - Agora, pois, ó moradores de Jerusalém, e homens de Judá, julgai, vos peço, entre mim e a minha vinha.
        5:4 - Que mais se podia fazer à minha vinha, que eu lhe não tenha feito? Por que, esperando eu que desse uvas boas, veio a dar uvas bravas?
        5:5 - Agora, pois, vos farei saber o que eu hei de fazer à minha vinha: tirarei a sua sebe, para que sirva de pasto; derrubarei a sua parede, para que seja pisada;
        5:6 - E a tornarei em deserto; não será podada nem cavada; porém crescerão nela sarças e espinheiros; e às nuvens darei ordem que não derramem chuva sobre ela.
        5:7 - Porque a vinha do SENHOR dos Exércitos é a casa de Israel, e os homens de Judá são a planta das suas delícias; e esperou que exercesse juízo, e eis aqui opressão; justiça, e eis aqui clamor. 


O PECADO DE ISRAEL:

        5:8 - Ai dos que ajuntam casa a casa, reúnem campo a campo, até que não haja mais lugar, e fiquem como únicos moradores no meio da terra! 
        5:9 - A meus ouvidos disse o SENHOR dos Exércitos: Em verdade que muitas casas ficarão desertas, e até as grandes e excelentes sem moradores. 
        5:10 - E dez jeiras de vinha não darão mais do que um bato; e um ômer de semente não dará mais do que um efa. 
        5:11 - Ai dos que se levantam pela manhã, e seguem a bebedice; e continuam até à noite, até que o vinho os esquente! 
        5:12 - E harpas e alaúdes, tamboris e gaitas, e vinho há nos seus banquetes; e não olham para a obra do SENHOR, nem consideram as obras das suas mãos. 
        5:13 - Portanto o meu povo será levado cativo, por falta de entendimento; e os seus nobres terão fome, e a sua multidão se secará de sede. 
        5:14 - Portanto o inferno grandemente se alargou, e se abriu a sua boca desmesuradamente; e para lá descerão o seu esplendor, e a sua multidão, e a sua pompa, e os que entre eles se alegram. 
        5:15 - Então o plebeu se abaterá, e o nobre se humilhará; e os olhos dos altivos se humilharão. 
        5:16 - Porém o SENHOR dos Exércitos será exaltado em juízo; e Deus, o Santo, será santificado em justiça. 
        5:17 - Então os cordeiros pastarão como de costume, e os estranhos comerão dos lugares devastados pelos gordos. 
        5:18 - Ai dos que puxam a iniqüidade com cordas de vaidade, e o pecado com tirantes de carro! 
        5:19 - E dizem: Avie-se, e acabe a sua obra, para que a vejamos; e aproxime-se e venha o conselho do Santo de Israel, para que o conheçamos. 
        5:20 - Ai dos que ao mal chamam bem, e ao bem mal; que fazem das trevas luz, e da luz trevas; e fazem do amargo doce, e do doce amargo! 
        5:21 - Ai dos que são sábios a seus próprios olhos, e prudentes diante de si mesmos! 
        5:22 - Ai dos que são poderosos para beber vinho, e homens de poder para misturar bebida forte; 
        5:23 - Dos que justificam ao ímpio por suborno, e aos justos negam a justiça! 
        5:24 - Por isso, como a língua de fogo consome a palha, e o restolho se desfaz pela chama, assim será a sua raiz como podridão, e a sua flor se esvaecerá como pó; porquanto rejeitaram a lei do SENHOR dos Exércitos, e desprezaram a palavra do Santo de Israel. 

O JUÍZO DO SENHOR (PROCLAMA O JUÍZO):

        5:25 - Por isso se acendeu a ira do SENHOR contra o seu povo, e estendeu a sua mão contra ele, e o feriu, de modo que as montanhas tremeram, e os seus cadáveres se fizeram como lixo no meio das ruas; com tudo isto não tornou atrás a sua ira, mas a sua mão ainda está estendida. 
        5:26 - E ele arvorará o estandarte para as nações de longe, e lhes assobiará para que venham desde a extremidade da terra; e eis que virão apressurada e ligeiramente. 
        5:27 - Não haverá entre eles cansado, nem quem tropece; ninguém tosquenejará nem dormirá; não se lhe desatará o cinto dos seus lombos, nem se lhe quebrará a correia dos seus sapatos. 
        5:28 - As suas flechas serão agudas, e todos os seus arcos retesados; os cascos dos seus cavalos são reputados como pederneiras, e as rodas dos seus carros como redemoinho. 
        5:29 - O seu rugido será como o do leão; rugirão como filhos de leão; sim, rugirão e arrebatarão a presa, e a levarão, e não haverá quem a livre.
O Senhor mostra o desvio de Israel, a situação espiritual caótica que vivia o povo e como se desviou da salvação e da verdade.

 4. O TEMPO DE ELIAS

       Antes de Isaías o Senhor enviou vários outros profetas, mas no tempo do profeta Elias se vê o culto idólatra penetrar vigorosamente na vida de Israel;
       Quando Elias destrói os profetas de Baal, com um sinal maravilhoso da parte de Deus fazendo chover fogo do céu pela sua oração, depois daqueles primeiros se retalharem sem resposta, nem por esse grandioso sinal Jezabel desviou de seu intento;
       Ela estava definida na sua religião idólatra, na mentira e não tinha qualquer acordo com a obra de Deus: Ela disse: assim me façam os deuses outro tanto se amanhã a essas horas não puser a sua vida (Elias) como um deles;
       Ela serve ao adversário, a antiga serpente, ele é seu patrão e não o Senhor, ela não vai atender apelo de religiosos, ela vem para matar, roubar e destruir.
       O dono da religião é o próprio adversário (generalizando aquilo que não é a obra de Deus).
       Quando o servo migra para a mescla ele passa a ser comandado pelo adversário e muitas vezes enganado e achando que está servindo a Deus.
       Por isso Deus preparou o seu profeta com requisitos especiais para que ele pudesse falar em seu nome.

 5. EXEMPLOS DE SERVOS QUE APOSTARAM A FÉ

Vemos no relato bíblico diversos homens que estavam no rebanho de Deus, preparados para serem usados pelo Senhor, mas se desviaram da fé, escolhendo a vida terrena adiante da benção celestial.
ESAÚ
       Trocou o espiritual pelo material: Não valorizou o direito de primogenitura que era uma dádiva de Deus, porque o seu coração não estava no espiritual, mas no terreno;
       Misturou-se com as mulheres de Canaã, sem qualquer cuidado com as coisas de Deus, sem medir as conseqüências. Sua inclinação era para os valores terreais e o espiritual não tinha valor para ele
       Não foi a comida (lentilha) o grande mal, o mal estava na inversão de valores, ele tinha por direito a herança do pai (Jesus é a herança do pai – o primogênito);
       A lentilha foi uma pequena coisa das muitas que aconteceram na vida de Esaú, ali ele perdeu a herança, não pelo valor da comida, mas pelo desprezo à herança do pai;
       A carne não resgata a alma, o histórico e o temporal, não conduzem o homem a eternidade;
       O profético era receber a herança celestial, não somente os bens dos pais, mas principalmente as promessas de Deus, que a sua inclinação para terra não permitiu perceber;
       Não queria ficar perto de Rebeca que ensinava o caminho do Senhor, porque ela é tipo da Igreja, ele buscou outros caminhos dentro da mata, longe de casa;
       Não seguiu os preceitos da obra, casou com mulheres de Canaã unindo aos seus costumes mundanos;
       Diante de Isaque, quando Jacó saiu com as bênçãos, ele chorou com grande pranto, mas não achou lugar para arrependimento, porque o seu coração não conhecia os valores espirituais, suas soluções eram sempre terrenas: vou matar Jacó. Ele não conseguiu entender a presença de Deus nesse processo, não conhecia o profético.
       Filho de Abrão e Isaque, Primogênito, mas foi chamado por Deus de profano;
       Aspirava a vida libertina e mundana. Não receberá a herança.

Cristianismo profano, não encontra lugar para arrependimento, porque entrou pelo material, pelo caminho de Esaú, pelo caminho de Caim. Não conhece o Senhor. Não conhece o profético. 
Caminho de Esaú, afastando-se de casa, desprezou a doutrina da obra, buscando outros caminhos onde perdem a herança. 
Enquanto isso Jacó ouvia Rebeca. Confiou no profético (o cordeiro).

DATÃ, CORÉ E ABIRÃO

       Não creram que Deus escolheu a Moisés e Arão, que lhes deu uma unção. Esqueceram-se das maravilhas de Deus que os colocou adiante;
       Eles disseram: porque vos elevais diante da congregação, pois todos são santos; Mas santos são aqueles que Deus santifica e não aqueles que assim se chamam;

        (Números 16:13):
Porventura pouco é que nos fizeste subir de uma terra que mana leite e mel, para nos matares neste deserto, senão que também queres fazer-te príncipe sobre nós


       Se Moisés fosse príncipe no Egito (foi preparado para isto) eles obedeceriam;
       Os rebeldes perderam o profético, a terra os engoliu, ali deveria ser sepultada aquela mentalidade carnal e religiosa do Egito. Eles queriam ser os príncipes no lugar de Moisés. Não enxergaram o profético;
       O profético era ser um povo separado de todos os povos para entrar em Canaã; receber a herança eterna. Moisés era um servo que simplesmente obedecia e ministrava em favor deles;
       Aspiravam a liderança sem entender a herança eterna. Queriam disputar poder;
       Não é para quem quer, mas para quem Deus chama.

Como Coré, Datã e Abirão, O Cristianismo de hoje, quer o evangelho para proveito posse, desejo de liderança a qualquer custo, deseja se destacar e se promover pela sua vaidade.
Se estivem no Egito debaixo do chicote atenderiam a Moisés que abdicou de ser príncipe, mas não quiseram ouvir a revelação;
O ministério na obra é um chamado não é para quem quer.

  BALAÃO

       Balaque que servia a outros deuses (adversário) corrompeu a Balaão com falsas verdades, já comentadas; 
       Via Balaão como alguém com poder de mudar a história, como alguém que opera encantamentos. Ele nunca conheceu a Deus e não o servia;
       Balaão era um servo de Deus que foi tentado porque queria ao mesmo tempo servir a Deus mas também ganhar alguma coisa e tentou conciliar os dois senhores;
       Depois de ouvir o adversário, já sabendo a vontade de Deus, se deixou corromper porque o seu coração ambicionava os prêmios de Balaque e o profeta se tornou insensato e passou a prestar um serviço ao adversário, diga-se de passagem: Contra Deus;
       Quanto a nós, o nosso pacto e o chamado não é para esta vida; precisamos do material, porém não podemos trocar pelo espiritual.
       Aspirava bens materiais: dinheiro, posse.

NO CRISTIANISMO DE BALAÃO AS BENÇÃOS SÃO PAGAS. 

Profetiza a troco de dinheiro. É um balcão de negócios.
É simples: continuo errado, pago e recebo a benção.

A religião de hoje está tomada por essas ações:
        Esaú: evangelho tradicional e material, só conhece a tradição, não conhece nem quer o profético;
        Core, Data e Abirão: Evangelho de interesses próprios, para se promover, para usufruir;

 Mensagem Daniel Santos 

A caverna de Adulão

   


A caverna de Adulão



I SAMUEL 22: 1 e 2




A Bíblia é um livro milenar. O que significa? É um livro que já foi escrito ou que já tem milhares de anos, mas apesar de ser um livro milenar, isso não faz da Bíblia um livro ultrapassado, ela tem uma particularidade que você não encontra em nenhum outro livro, sua particularidade é a de se PODER TORNAR ATUAL. O que seria isso? Todas as vezes que você no espírito, ou seja, em comunhão com Deus abre a Bíblia, tem a sensação de que aquilo que está lendo, está falando de uma necessidade que você vive AGORA, essa sensação é real! Isso porque a Bíblia é a palavra de Deus, e Deus fala ao coração do homem através dela! Hoje não tem mais caverna de Adulão, mas tem a IGREJA, a OBRA DO ESPÍRITO SANTO está avivada no nosso meio! O rei Davi já passou, morreu a milhares de anos, mas o REI JESUS ressuscitou e está VIVO AQUI NESTE LUGAR! Vivo para transformar corações que entraram com necessidades semelhantes à daqueles homens que foram ter com Davi na caverna: APERTO, ENDIVIDADOS e com DESGOSTO DE ESPÍRITO.




APERTO: De um modo geral a humanidade está em aperto:Quem é rico está em APERTO com medo das crises mundiais, quem é pobre está em APERTO com medo do salário não dar para o sustento mensal, quem tem saúde está em APERTO com medo das enfermidades que assolam a humanidade, quem é enfermo está em APERTO com medo de não encontrar a cura, quem é casado está em APERTO com medo do lar ser destruído, quem é solteiro está em APERTO com medo da solidão. Mas os homens em APERTO foram ter com Davi na caverna, e todos aqueles que em APERTO vão até JESUS, descobrem que ele é ALÍVIO para a alma! ("vinde a mim, e eu vos aliviarei..."). ENDIVIDADO: Hoje o homem contraiu uma dívida ESPIRITUAL, essa dívida é com o PECADO! ("O salário do pecado é a morte..."), quanto mais o homem peca, mais sua dívida cresce. Esta dívida tem um custo. Custa muitas vezes um lar que é desfeito pelo pecado, custa alegria, custa paz, custa a VIDA! Mas aqueles homens ENDIVIDADOS foram ter com Davi na caverna, e todos aqueles que estão ENDIVIDADOS e vão ter com JESUS, descobrem que ele PAGOU UM ALTO PREÇO NA CRUZ PELO NOSSO PECADO, hoje nossa dívida é zerada quando clamamos pelo poder do SANGUE DE JESUS! DESGOSTO DE ESPÍRITO: Hoje o que mais se vê são pessoas deprimidas, vazias, sem motivo para viver! As pessoas não sentem mais segurança! Tem medo da morte, medo do amanhã, porque estão "ocas" por dentro! Isso é o DESGOSTO DE ESPÍRITO! A pessoa perde o gosto pela vida, perde a razão de viver! Para preencher essa lacuna, muitos procuram socorro no homem (psiquiatra, psicólogo e etc.), nos vícios (drogas, bebidas, cigarro, jogo...), e acabam muitas vezes em situação pior! Mas aqueles homens com ESPÍRITO DESGOSTOSO foram ter com Davi na caverna, e todos aqueles que vão ter com JESUS nessa situação, descobrem que ele é a nossa RAZÃO DE VIVER, NOSSO SOCORRO, AQUELE QUE PREENCHE NOSSO SER, ele é tudo que precisamos porque ele é O EU SOU, e Jesus quer dizer a você hoje Eu Sou o que você precisa!


Foi assim que Davi formou seu exército, com homens sem valor para sociedade, mas ele os fez valentes! JESUS quer fazer isso com você! Quem sabe o mundo não te dê valor, mas saiba de uma coisa: para JESUS você tem valor! Só ele pode te fazer um valente, dentro da obra de Deus que é Eterna, te fazer um mais que vencedor!


Por Nildo Oliveira Gomes em Palavra Revelada

-->

Você mexe com fogo?


O que você faz quando está numa caverna, sentindo-se perseguido pelo inimigo e ninguém
parece se importar? o que você faz quando está frio e escuro e não há sinais de ajuda a caminho?
Muito tempo após a morte do rei Davi, o profeta Isaías citou duas opções para a rebelde nação de
Judá...e também para nós.
Uma opção é confiar no Senhor no escuro e esperar pelo Seu livramento.
A outra opção é usar nossos próprios recursos; acender sozinhos uma   
fogueira para nos aquecer e iluminar. Leia cuidadosamente as palavras de Isaías:
"Quem há entre nós que tema o Senhor, e ouça a voz do seu Servo que andou em
trevas sem nenhuma luz, e ainda assim confiou em o nome do Senhor e se firmou sobre o seu Deus?
Eia! Todos vós, que acendeis fogo, e vos armais de setas incendiárias, andai   
entre as labaredas do vosso fogo, e entre as setas que acendestes; de mim é que vos sobrevirá isto, 
e em tormentas vos deitareis" (Is 50.10.11)
Quando a escuridão chega às nossas vidas, quando a luz parece sumir e sen-
timos que o sol jamais voltará a iluminar as trevas da nossa noite, é o momento de "confiar o nome  
do Senhor". O tempo de confiar em Deus e esperar por Ele. Os que ficam tentando fabricar apressa-
damente a sua própria luz e conforto, em separado de Deus só encontrarão problemas e sofrimento no
final do caminho. Tochas temporárias, feito pelo homem, não se comparam com a luz e a beleza que
Deus pode introduzir numa vida no Seu tempo. O problema de providenciar nosso própio fogo e prote-
ção, segundo o profeta, é que a chama que acendemos pode vir a queimar-nos.
(Texto extraido do livro, Deus Trabalha no Turno da Noite - Ron Mehl)
E eu acrecento a esse texto um ditado que a mamãe dizia:
Quem mexe com fogo, pode sair queimado....
Uma feliz quinta feira
No amor do Senhor,
Maida
-->

Rei (Sl 5)

 








Jornada nos Salmos - Rei (Sl 5)  |  Pastor Sérgio Fernandes

Salmos 5:2 - Atende à voz do meu clamor, Rei meu e Deus meu, pois a ti orarei. 

No evangelho de Jesus Cristo, segundo o relato de Mateus, lemos no capítulo 6 que o Senhor ensinou seus discípulos a oração modelo, conhecida em algumas tradições cristãs como "Pai Nosso" e em outras como "a oração do Senhor". Nas palavras desta prece, Jesus pediu aos seus seguidores que dissessem "venha a nós o Teu Reino, e seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu".

Neste verso do salmo 5, Davi chama o Criador de Rei. O papel de um rei é reinar, zelar pelo seu reino, cuidar dos seus súditos e manter a justiça. O seguidor de Jesus, assim como Davi, deve se submeter à vontade soberana do Rei. Inclusive na oração! Quando dizemos na oração "venha o teu reino", estamos pedindo ao Senhor que dê um jeito no mundo e nas circunstâncias que nos cercam. Mas é o jeito dEle, não o nosso. Por isso, na mesma oração está escrito: "seja feita a Tua vontade, assim na terra como no céu".

Não precisamos nos ocupar sobre os meios e os métodos que o Rei usará para dar um jeito no mundo. Precisamos apenas clamar: "venha o Teu Reino Senhor" e descansar, porque Deus cumprirá tudo aquilo que prometeu.
 Gotas Bíblicas
Só Dois Pombinhos De Oferta?  |  Pr. Olavo Feijó

Lucas 2:24 - E para darem a oferta segundo o disposto na lei do Senhor: Um par de rolas ou dois pombinhos. 

O valor das minhas ofertas não está na quantia do que eu dou, mas no amor divino que me permite ofertar o que quer que eu oferte. 

Clique aqui para ler essa Devocional inteira


Benefícios







"Alegrai-vos na esperança, sede pacientes na tribulação, perseverai na oração;" Romanos 12:12

Por que Deus permite que Seus filhos tenham problemas?

Bem, as razoes são muitas, mas podem ser resumidas em uma palavra: BENEFÍCIOS.

Ele Vê os benefícios

Provas e tribulações fortalecem e moldam o nosso caráter. Fazem de nós pessoas e cristãos melhores.

Conta-se a historia de um fabricante de violinos que por anos procurou a madeira que desse aos seus instrumentos uma ressonância especial e inesquecível.

A sua busca finalmente terminou, não num viveiro de arvores ou num bosque em algum vale protegido, mas no alto de uma montanha, onde as arvores eram raras e os ventos, tão violentos e constantes que forçavam os galhos a inclinarem-se na mesma direção,   não permitindo que nesse lado onde batiam, crescesse casca no tronco das arvores.

O veio da madeira das arvores assoladas pelas tempestades entrelaçava-se no padrão mais intrincado de qualquer madeira que já houvesse encontrado.

Era firme, dura, forte e dava aos seus violinos aquele som especial.

Igualmente, quando Deus prepara os Seus filhos para o seu lugar no Reino, não os coloca em terras baixas e protegidas, mas em regiões montanhosas e acidentadas onde tem que aprender a resistir as tempestades da vida.

Os que resistem tornam-se fortes e robustos. São os materiais escolhidos por Deus e cujas vidas emanam uma beleza especial.

Os testes e tribulações da vida também nos tornam mais cientes das nossas fraquezas e limitações e assim aprendemos a depender mais de Jesus.

Como as arvores na encosta da montanha que aprofunda bem as suas raízes nas fendas entre as rochas, agarramos ao Senhor para salvar as nossas vidas. Nesses lugares difíceis e desolados, vemos que Ele é o suficiente para nos sustentar, e ficamos mais fortes, por aprendemos a nos valer da Sua força.

Livro Superando Obstáculo

Remédio Para O Coração



Remédio Para O Coração
"O amor nunca falha" (1 Coríntios 13:8)


"Se você não tem amor em seu coração, tem o pior tipo de
problema de coração." (Bob Hope)


O que temos mantido dentro de nossos corações? Mágoas por
problemas do passado? Ódio por ofensas não perdoadas?
Dúvidas de questões não resolvidas? Dificuldades de
relacionamento com parentes ou amigos?


Tem nosso coração estado vazio, sem demonstrações de afeto,
de consolo, de solidariedade, de misericórdia ou qualquer
atitude nobre, como convém a todo filho de Deus? Tem estado
desanimado, inconformado, queixoso, incrédulo e sem
esperanças?


Se tudo isso ou apenas parte é verdade, então precisamos
urgentemente de um reparo, de uma restauração. Precisamos de
um único remédio, que não somente transformará o nosso
coração como toda a nossa vida: precisamos de amor!


O amor estimula o nosso humor, edifica a nossa fé, colore
nossos dias, dá saúde à nossa alma. O amor aproxima-nos dos
homens e, principalmente, de Deus.O amor nos conduz por
campinas verdes, por águas tranquilas, por jardins floridos
e perfumados. O amor transforma o nosso mundo e o mundo de
muitas outras pessoas que estão junto a nós.


O amor é o fortificante para a nossa felicidade. Com amor
nós vivemos cantando. Por nosso amor, os anjos cantam. Com
amor o sol brilha mais intensamente e o mundo é mais
aprazível. Com amor eu me regozijo e a minha alegria parece
não ter fim. Com amor eu ando com o Senhor e o Senhor anda
comigo.


O amor nunca falha. Ele cura nossos corações de qualquer
enfermidade. Sem ele temos sérios problemas e com ele temos
todas as soluções.


Você tem amor no coração?

 

Blog do Para Refletir. Faça uma Visita!
Blogger
Paulo Roberto Barbosa. Um cego na Internet! Visite minha homepage:
Escuro Iluminado

Assine a Lista de Reflexões
Caso você deseje receber as reflexões diárias diretamente em sua mailbox, preencha o campo abaixo com seu email e clique o botão enviar.
Clique aqui para assinar 

Os Heróis de Deus



"Irmãos, pensem no que vocês eram quando foram chamados. Poucos eram sábios segundo os padrões humanos; poucos eram poderosos; poucos eram de nobre nascimento. Mas Deus escolheu as coisas loucas do mundo para envergonhar os sábios, e escolheu as coisas fracas do mundo para envergonhar as fortes." (1 Coríntios 1:26-27)

Sob vários aspectos, perdemos o significado da palavra "herói". Usamos essa palavra à toa. Aqueles que conseguem atravessar uma bola por dentro de uma trave, são heróis do esporte. Quem sabe tocar uns acordes numa guitarra, é um herói do rock. Quem sabe fingir bem ser quem não é, é um herói do cinema. Temos uma noção estranha de quem são nossos heróis.

Certa vez assisti a uma entrevista realizada por um jornalista conhecido, com um ator acerca do seu último filme, que se passava numa região politicamente complicada do mundo. Quando o jornalista perguntou ao astro o que ele achava que se devia fazer quanto à situação política lá, o ator respondeu: "Que interessa o que eu acho?" E aí frisou que ele era apenas um ator. Com excessiva frequência, pensamos erradamente que os atores são as personagens que eles interpretam. Pensamos que são heróis, quando na verdade, são somente pessoas como nós.

Herói é quem faz algum sacrifício, algo corajoso. Há heróis hoje em dia, claro. Vimos muitos deles em ação no 11 de setembro de 2001 e nos dias subsequentes. Mas, com frequência os heróis de hoje em dia agem nos bastidores e quase nunca ficamos sabendo deles.

Quando observamos os heróis da fé (aqueles em quem Deus pôs a mão), sejam aqueles das Escrituras ou os da história recente, uma coisa se destaca: parece que Deus sempre Se deu ao trabalho de encontrar indivíduos que não parecessem heroicos  E é essa a questão. Deus não procura por um homem ou mulher forte em si. Em vez disso, Ele procura por alguém em cujo nome possa revelar Sua força.

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Fanatismo

  

Fanatismo
Precisamos muito de sua ajuda em nosso Projeto Missionário.
Você pode ajudar? Você quer ajudar? Escreva-me.
X-Antivirus: avast! (VPS 130227-1, 27/02/2013), Outbound message X-Antivirus-Status: Clean "Sonda-me, ó Deus, e conhece o meu coração; prova-me, e
conhece os meus pensamentos. E vê se há em mim algum caminho
mau, e guia-me pelo caminho eterno" (Salmos 139:23, 24).


"Uma pessoa fanática é aquela que é incapaz de mudar os
pensamentos e os assuntos." (Winston Churchill)


Até que ponto temos sido "fanáticos" a ponto de não
reconhecer que a nossa vida pode ser mudada e que a nossa
tristeza pode ser transformada em alegria e felicidade? Até
que ponto temos sido teimosos e insistentes em caminhar em
direção a lugar nenhum? Até que ponto temos negligenciado à
oportunidade de abrir os corações para o Deus que nos
prometeu abençoar em toda e qualquer situação?


Se a nossa terra é árida e não a tratamos, continuará seca e
nada produzirá. Se o nosso coração é duro e não está pronto
a deixar que Cristo o transforme, continuará da mesma
maneira e não experimentará dias melhores. Se a nossa fé é
nula e não almejamos dar um passo de confiança em Deus, o
que poderemos esperar? Somos fanáticos e intransigentes em
relação aos nossos erros e a possibilidade de uma mudança se
torna muito difícil.


Quando abandonamos o fanatismo e nos deixamos moldar, como o
barro nas mãos do oleiro, então muitas novas formas
aparecerão e, com toda certeza, o Oleiro celestial
transformará o barro informe e sem cor em um vaso colorido,
brilhante e muito atraente.


Se a nossa vida é vazia, por que não pedir a Deus para
enchê-la de Sua graça? Se a nossa mente está cauterizada em
problemas e lamentações, por que não permitir que seja
renovada pelo Espírito do Senhor? Se as nossas atitudes não
têm testificado do amor de Deus, por que não deixar que o
Pai de amor as transforme? Se a nossa boca só sabe proferir
palavras que machucam a nós mesmos e aos que estão próximos,
por que não deixar que Deus a use para abençoar a todos? Se
as nossas idéias estão nos levando, rapidamente, para longe
do Senhor, por que não abandoná-las e passar a seguir o
caminho que nos leva à vida eterna?


Eu deixei de ser fanático há muito tempo. Hoje Deus dirige
meus pensamentos e atitudes. E você?



 

Blog do Para Refletir. Faça uma Visita!
Blogger
Paulo Roberto Barbosa. Um cego na Internet! Visite minha homepage:
Escuro Iluminado

Assine a Lista de Reflexões
Caso você deseje receber as reflexões diárias diretamente em sua mailbox, preencha o campo abaixo com seu email e clique o botão enviar.
Clique aqui para assinar

Contribua Voluntariamente para este Ministério
Se você pode e deseja ser um parceiro do Para Refletir!
Clique aqui

Conheça e Adquira nossos Livros
Se você deseja adquirir nossos livros:
Clique aqui
Entre em Contato Comigo:
 

RABI, ONDE ASSISTES?



RABI, ONDE ASSISTES?

João 1: 35-40

No dia seguinte, após o batismo de Jesus, João estava com André e outro discípulo seu, e vendo Jesus passar, disse: "Eis o Cordeiro de Deus". Aqueles discípulos, aparentemente, não se encontravam juntos de João na ocasião em que ele batizou Jesus, e ao ouvirem estas palavras, começaram a seguir ao Senhor.

Quando Jesus percebeu que eles o seguiam, voltou-se e perguntou-lhes: "Que buscais?". E eles responderam: "Rabi, onde assistes?". Então Jesus disse: "Vinde, e vede". Foram, pois, e viram onde Jesus estava morando, e ficaram com Ele aquele dia, sendo mais ou menos quatro horas da tarde.

Quando os fariseus enviaram espias para interrogar João Batista, perguntaram: "Quem és tu?" Ele confessou e não negou: "Eu não sou o Cristo". Então lhe perguntaram: "Quem és, pois?" Então respondeu: "Eu sou a voz do que clama no deserto: Endireitai o caminho do Senhor". Os mensageiros dos fariseus lhe disseram: "Então por que batizas, se não és o Cristo?" Respondeu-lhes João: "Eu batizo com água, mas no meio de vós está quem vós não conheceis, o qual vem após mim, do qual não sou digno de desatar-lhe as correias das sandálias".  Ele também disse: "Importa que eu diminua e que Ele cresça".

Estas palavras de João Batista mostram claramente a diferença entre ele e o Senhor Jesus. Ele declarou aos fariseus que não era a "Obra" verdadeira e definitiva, pois a Obra é Jesus. Mesmo assim, muitos discípulos se agregaram a ele e o seguiram. Até o dia em que Jesus passou e João o apontou a seus discípulos, que o deixaram e passaram a seguir ao Senhor, que era maior do que João.

Talvez aqueles discípulos até seguiram a Jesus por mera curiosidade; para ver onde Ele morava e o que tinha a dizer e ensinar. Mas quando conheceram a casa de Jesus, ouviram a sua Palavra maravilhosa e conheceram a intimidade do Senhor, então não o deixaram mais, e se tornaram seus discípulos. Eles entenderam que o ministério de João foi um ponto de partida no seu relacionamento com Deus e no conhecimento da Verdade, que é o Senhor Jesus.

Muitas vezes Deus permite que comecemos os nossos passos em sua direção, em um lugar onde se canta louvores e onde ouvimos falar no seu Nome. Neste lugar aprendemos alguma coisa sobre Deus e passamos a ter consciência da sua existência, no entanto não experimentamos uma verdadeira experiência com Jesus Revelado.

Até que um dia alguém nos fala da Obra e por curiosidade ou até mesmo por uma necessidade, vamos à igreja e conhecemos a casa de Jesus; ouvimos a sua Palavra Revelada e passamos a contemplar, através do Espírito Santo, a intimidade do Senhor. No culto o Senhor passa a falar das coisas ocultas do nosso coração, através dos dons espirituais, e somos movidos pelo Espírito Santo a permanecermos ao lado do Senhor. A partir daí, deixamos o lugar onde estávamos, porque ouvimos a voz do Senhor Jesus a nos chamar, e nos tornamos seus discípulos.
-->

Oração (Sl 5)

 







Jornada nos Salmos - Oração (Sl 5)  |  Pastor Sérgio Fernandes

Salmos 5:1 - ¶ [Salmo de Davi para o músico-mor, sobre Neilote] Dá ouvidos às minhas palavras, ó SENHOR, atende à minha meditação.

Hoje, a sociedade chama de "cristão" qualquer pessoa que pertença a alguma religião que afirme seguir os ensinamentos de Jesus. Eu, contudo, chamo de cristãs aquelas pessoas que se arrependeram dos seus pecados e se converteram a Deus, crendo na morte de Jesus Cristo e em sua ressurreição e praticando os ensinamentos contidos nos evangelhos e na doutrina dos apóstolos. Para mim, ser cristão não é religião apenas, é relacionamento com Deus.

E a oração é a expressão mais bela desse novo relacionamento com o Criador. Podemos aderir intelectualmente a um conjunto de regras e doutrinas, mas para falar com alguém precisamos crer que este alguém existe. Quando um cristão se lança nesta amizade com Deus, suas orações são um poderoso testemunho de que esta pessoa crê que Deus existe e que recompensa todos que o buscam. O salmista reconhecia que Deus ouvia as suas palavras e escutava os seus gemidos. E eu afirmo que o Criador conhece cada uma de suas lágrimas e o seu choro. Suas orações não foram esquecidas pelo Senhor! Não é hora de desistir!

Saber que Deus nos ouve significa que não estamos sozinhos! E, com a companhia dEle, podemos enfrentar qualquer situação! Deus te abençoe!
 Gotas Bíblicas
Nós e Mordecai No Reino de Deus  |  Pr. Olavo Feijó

Ester 10:3 - Porque o judeu Mardoqueu foi o segundo depois do rei Assuero, e grande entre os judeus, e estimado pela multidão de seus irmãos, procurando o bem do seu povo, e proclamando a prosperidade de toda a sua descendência.

Como Mordecai, somos cidadãos deste mundo e, também, cidadãos do Reino de Deus.

Clique aqui para ler essa Devocional inteira