BENVINDO

Minha foto

 Sou servo do Senhor desde 2001,sirvo a Deus na Igreja do Evangelho Quadrangular,  obreiro formado no Instituto Teológico Quadrangular, professor da Escola Bíblica,  casado com Elisângela a 25 anos , pai de 2 filhos maravilhosos,  buscando cada dia conhecer mais ao Senhor. Meu maior desejo é ser " uma bênção" e abençoar àqueles que estão perto e através da web os que estão longe.  Que as bênçãos do Senhor seja transbordante sobre a sua vida, sobre sua casa , sobre sua família, sobre o seu ministério, querido(a) e amado(a) irmão(ã) em Cristo Jesus. 

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

A Perfeição de Deus


A PERFEIÇÃO DE DEUS

 

 

Em Brooklyn, Nova Iorque, Chush é uma escola que se dedica ao ensino de crianças eficientes.

 

Algumas crianças permanecem em Chush por toda a vida escolar, enquanto outras podem ser educadas em escolas normais.

 

Em um jantar beneficente de Chush, o pai de uma criança fez um discurso de que nunca seria esquecido pelos que estavam presentes. Depois de elogiar a escola e seu dedicado pessoal, clamou ele, "Onde está a perfeição em meu filho Shaya? Tudo o que Deus faz é feito com perfeição. Mas meu filho não pode entender as coisas como outras crianças entendem. Meu filho não pode se lembrar de fatos e números como as outras crianças. Onde está a perfeição de Deus?"

 

A audiência estava chocada pela pergunta, sofrida pela angústia do pai e paralisada pela pergunta crucial. "Eu acredito," o pai respondeu, "que quando Deus traz uma criança assim no mundo, a perfeição que ele busca está no modo como as pessoas reagem a esta criança".

 

Ele contou então a seguinte história sobre o seu filho Shaya.

 

Uma tarde Shaya e o seu pai caminhavam por um parque onde alguns meninos que Shaya conhecia estavam jogando beisebol. Shaya perguntou, "você acha que eles me deixarão jogar"?  O pai de Shaya sabia que o filho dele não era muito atlético e que a maioria dos meninos não o queria no time deles. Mas o pai de Shaya entendeu que se o seu filho fosse escolhido para jogar, isto lhe daria uma confortável sensação de participação. O pai de Shaya aproximou-se de um dos meninos no campo e perguntou se Shaya poderia jogar.

 

O menino deu uma olhada ao redor procurando por aprovação dos seus companheiros de time. Não conseguindo nenhuma aprovação, ele assumiu a responsabilidade em suas próprias mãos e disse: "Nós estamos perdendo por seis rodadas e o jogo está na oitava rodada. Eu acho que ele pode estar em nosso time e nós tentaremos colocá-lo para bater até a nona rodada".

 

O pai de Shaya ficou exaltado quando Shaya abriu um grande sorriso. Pediram a Shaya para vestir uma luva e ir ao campo para jogar. No final da oitava rodada, o time de Shaya marcou alguns pontos mas ainda estava perdendo por três. No final da nona rodada, o time de Shaya marcou novamente e agora com dois fora e as bases com potencial para a rodada decisiva, Shaya foi escalado para continuar. O time deixaria Shaya de fato bater nesta circunstância e jogar fora a chance de ganhar o jogo?

 

Surpreendentemente, foi dado o bastão a Shaya. Todo o mundo sabia que era quase impossível porque Shaya nem mesmo sabia segurar o bastão. Porém, quando Shaya tomou posição, o lançador se moveu alguns passos para arremessar a bola suavemente de maneira que Shaya pudesse ao menos rebater. Foi feito o primeiro arremesso e Shaya balançou desajeitadamente e perdeu.

 

Um dos companheiros do time de Shaya foi até ele e juntos seguraram o bastão e encararam o lançador a espera pelo próximo lance. O lançador deu novamente alguns passos para lançar a bola suavemente para Shaya. Quando veio o lance, Shaya e o seu companheiro de time balançaram o bastão e junto eles rebateram a lenta bola do lançador. O lançador apanhou a suave bola e poderia tê-la lançado facilmente ao primeiro homem de base. Shaya estaria fora e isso teria terminado o jogo. Ao invés, o lançador pegou a bola e lançou-a em uma curva longa e alta para o campo, distante do alcance do primeiro homem de base. Todo o mundo começou a gritar, "Shaya, corra para a primeira. Corra para a primeira". Nunca na vida dele ele tinha corrido para a primeira base. Ele saiu em disparada para a linha de base, com os olhos arregalados e assustado. Até que ele alcançasse a primeira base, o jogador da direita teve a posse da bola. Ele poderia ter lançado a bola ao segundo homem de base que colocaria Shaya para fora, pois ele ainda estava correndo. Mas o jogador entendeu quais eram as intenções do lançador, assim ele lançou a bola alta e distante, acima da cabeça do terceiro homem de base. Todo o mundo gritou, "Corra para a segunda, corra para a segunda". Shaya correu para a segunda base enquanto os jogadores à frente dele circulavam deliberadamente para a base principal. Quando Shaya alcançou a segunda base, a curta parada adversária, colocou-o na direção de terceira base e todos gritaram, "Corra para a Terceira". Quando Shaya contornou a terceira base, os meninos de ambos os times correram atrás dele gritando, "Shaya corra para a base principal". Shaya correu para a base principal, pisou nela e todos os 18 meninos o ergueram nos ombros fazendo dele o herói, como se ele tivesse vencido um "grand slam" e ganhou o jogo para o time dele.

 

"Aquele dia," disse o pai docemente com lágrimas caindo sobre sua face, "esses 18 meninos alcançaram o nível da perfeição de Deus".

 


 
Marco Aurélio
marcoaureliocicco.wordpress.com

__,_._,___

Pérolas





 

PÉROLAS

 

As pérolas são uma ferida curada.

 

Pérolas são produto da dor, resultado da entrada de uma substância estranha ou indesejável no interior da ostra, como um parasita ou um grão de areia.

 

A parte interna da concha de uma ostra é uma substância lustrosa chamada nácar.

 

Quando um grão de areia penetra, as células do nácar começam a trabalhar e cobrem o grão de areia com camadas e mais camadas para proteger o corpo indefeso da ostra.

 

Como resultado, uma linda pérola é formada.

 

Uma ostra que não foi ferida não produz pérolas, pois a pérola é uma ferida cicatrizada.

 

Você já se sentiu ferido pelas palavras rudes de um amigo?

 

Já foi acusado de ter dito coisas que não disse?

 

Suas idéias já foram rejeitadas, ou mal interpretadas?

 

Então produza uma pérola.

 

Deixe o Espírito Santo te ajudar a produzir pérolas para que vidas sejam alcançadas.

 

Cubra suas mágoas e as rejeições sofridas com camadas e camadas de amor.

 

Faça dos seus momentos difíceis verdadeiras pérolas, para que outras pessoas nunca percam a esperança.

 

E assim como nós, que elas possam produzir novas e belíssimas pérolas.

 


 
Marco Aurélio
marcoaureliocicco.wordpress.com

__,_._,___

A Parábola da Rosa

 

A PARÁBOLA DA ROSA

Certa vez, um homem plantou uma roseira e passou a regá-la constantemente.

Assim que ela soltou seu primeiro botão que em breve desabrocharia, o homem notou espinhos sobre o talo e pensou consigo mesmo: "como pode uma flor tão bela vir de uma planta rodeada de espinhos?"

Entristecido com o fato, ele se recusou a regar a roseira e, antes mesmo de estar pronta para desabrochar a rosa morreu.

Isso acontece com muitos de nós com relação à nossa semeadura.

Plantamos um sonho e, quando surgem as primeiras dificuldades, abandonamos a lavoura.

Fazemos planos de felicidade, desejamos colher flores perfumadas e, quando percebemos os desafios que se apresentam, logo desistimos e o nosso sonho não se realiza.

Os espinhos são exatamente os desafios que se apresentam para que possamos superá-los.

Se encontramos pedras no caminho é para que aprendamos a retirá-las e, dessa forma, nossos músculos se tornem mais fortes.

Não há como chegar ao topo da montanha sem passar pelos obstáculos naturais da caminhada. E o mérito está justamente na superação desses obstáculos.

O que geralmente ocorre é que não prestamos muita atenção na forma de realizar nossos objetivos e, por isso, desistimos com facilidade e até justificamos o fracasso lançando a culpa em alguém ou em alguma coisa.

O importante é que tenhamos sempre em mente que se desejamos colher flores, temos que preparar o solo, selecionar cuidadosamente as sementes, plantá-las, regá-las sistematicamente e, só depois, colher.

Se esperamos colher antes do tempo necessário, então a decepção surgirá. Se temos um projeto de felicidade, é preciso investir nele. E considerar também a possibilidade de mudanças na estratégia.

Se, por exemplo, desejamos um emprego estável, duradouro, e não estamos conseguindo, talvez tenhamos que rever a nossa competência e nossa disposição de aprender.

Não adianta jogar a culpa nos governantes nem na sociedade, é preciso, antes de tudo, fazer uma avaliação das nossas possibilidades pessoais.

Se desejamos uma relação afetiva duradoura, estável, tranqüila, e não conseguimos, talvez seja preciso analisar ou reavaliar nossa forma de amar.

Quando os espinhos de uma relação aparecem, é hora de pensar numa estratégia diferente, ao invés de culpar homens e mulheres ou a agitação da vida moderna, ou simplesmente deixar a rosa do afeto morrer de sede.

Há pessoas que, como o homem que deixou a roseira morrer, deixam seus sonhos agonizarem por falta de cuidados ou diminuem o seu tamanho. Vão se contentando com pouco na esperança de sofrer menos.

Mas o ideal é estabelecer um objetivo e investir esforços para concretizá-lo.

Se no percurso aparecer alguns espinhos, é que estamos sendo desafiados a superar, e jamais a desistir.

Quem deseja aspirar o perfume das rosas, terá que aprender a lidar com os espinhos.

Quem quer trilhar por estradas limpas, terá que se curvar para retirar as pedras e outros obstáculos que surjam pela frente.

Quem pretende saborear a doçura do mel, precisa superar eventuais ferroadas das fabricantes, as abelhas.

Por tudo isso, não deixe que nenhum obstáculo impeça a sua marcha para a conquista de dias melhores.

Marco Aurélio
marcoaureliocicco.wordpress.com

O Livro da Vida



 

O LIVRO DA VIDA

 

 

Cada dia a vida lhe oferece uma página em branco no livro da sua existência. O seu passado já está escrito e você não pode corrigi-lo. Nas páginas amarelas, você pode encontrar a sua história, algumas com cores suaves, outras com cores escuras.

 

Lindas recordações...

 

E páginas que você gostaria de arrancar para sempre.

 

Hoje você tem a oportunidade de escrever mais uma página. Você pode escolher as cores que usará. Mesmo que apareça algum impedimento, você pode matizar de serenidade para convertê-la em uma bela experiência.

 

Como você escreverá o dia de hoje?

 

Só depende de sua vontade que a página do dia de hoje no Livro de sua Vida seja uma bela recordação no futuro.

 

Se soubesse que só iria viver mais um dia, o que faria? Sem dúvida, elevaria o seu pensamento em Deus.

 

Desfrutaria os raios de sol, a suave brisa, a alegria dos seus filhos, o amor do (a) seu (sua) parceiro (a), tantas bênçãos que a vida põe ao alcance de nossas mãos e que muitas vezes não sabemos valorizar.

 

Desfrute este novo dia, faça um inventário de todas as coisas boas que existem em sua vida e viva cada hora com ânimo, dando o melhor de si. Não prejudique ninguém, sinta-se feliz por estar vivo, de poder presentear um sorriso, de oferecer sua mão e sua ajuda generosa.

 

Nunca é tarde para mudar o rumo e começar a escrever páginas de felicidade e paz no Livro da Vida. Agradeça a Deus pelo presente que lhe dá hoje e pela oportunidade de converter este dia em uma página bela do Livro de sua existência.

 

Lembre-se que apesar de todas as situações adversas, está unicamente em suas mãos viver o dia de hoje como se fosse o primeiro, o último ou o único no Livro da sua Vida.

 

Que todos os seus dias sejam felizes e cheios de muita paz!


 
Marco Aurélio
marcoaureliocicco.wordpress.com

__,_._,___

História Verídica




 

UMA HISTÓRIA VERÍDICA

 

 

Gostaria de lhe convidar a essa leitura, uma história verídica, que me fez rever alguns valores. Espero que gostem.

 

O reverendo Osborn Dickerson, um ex-escravo de Nova Orleans, recusou-se a parar de buscar e de louvar a Deus e de contar aos outros a respeito do Messias. Ele tinha o firme propósito de conhecer o Senhor. A seguinte história relatada por Joanna P. Moore mostra como esse propósito não mudou, apesar da oposição que aquele homem teve de enfrentar.

 

"Certa vez, um pouco antes de anoitecer, estava sentado em meu quarto, interessado em aprender a respeito do Salvador, e não ouvi meu senhor me chamando, até que ele se colocou de pé diante de mim. "Osborn", disse ele, "você sabe ler"?" "Sim", respondi, tremendo. "Você sabia que isso é contra as minhas regras?" "Sim, eu sabia." Então, ele tomou o livro da minha mão, rasgou-o e atirou-o no fogo. Senti como se ele tivesse arrancado meu coração. Fiquei esperando receber uma centena de chibatadas, mas meu senhor saiu da senzala sem dizer outra palavra. Então, eu afirmei: "É Deus que fecha a boca dos leões; Ele é o mesmo ainda hoje".

Eu vinha pregando para os escravos a respeito de Jesus e cantando os hinos que lembrava. Vários de meus companheiros se tornaram cristãos. Um deles foi Stephen, o servo que lidava diretamente com nosso senhor. Ele já trabalhava na fazenda por muitos anos e cuidava do patrão desde que este ainda era um garoto.

 

Um ano depois de eu ter perdido minha Bíblia, Stephen ficou doente e morreu. Nosso senhor ficou muito triste. Enquanto estava assentado ao lado da cama, e Stephen esvaía-se, o escravo disse: "Senhor, tenho um pedido a fazer; tu me concedes?"

 

"Sim, Stephen, qualquer coisa que você desejar, eu farei."

 

"Depois que eu morrer, por favor, deixe que Osborn me enterre. Deixe que ele cante e ore diante da minha sepultura."

 

O senhor prometeu cumprir o desejo do escravo. A carroça veio e levou o caixão para o túmulo reservado aos criados. O senhor estava montado num cavalo; os outros amigos, de pé ao redor da sepultura. Eu orei, repeti alguns versículos sobre a ressurreição e cantei, recitando as frases para que os outros também acompanhassem.

 

Quando cheguei à parte que dizia: "Os altos, os sábios e os irreverentes terão de se colocar tão baixo como nós", nosso senhor soltou um grito e caiu do cavalo. Os servos o levaram embora. Na manhã seguinte, mandaram chamar-me. Novamente orei ao Deus de Daniel, porque eu tinha medo que meu senhor me impedisse de pregar. "Osborn", ele disse, "você pode ensinar sua religião aqui nas minhas terras o quanto quiser e sempre que tiver disponibilidade de tempo, mas não vá a nenhuma outra plantação, porque isto é contra a lei."

 

Foi desta maneira que o Senhor abriu o Mar Vermelho para mim. Só consegui outra Bíblia quando os ianques chegaram. A primeira coisa que disse a eles foi: "Gostaria de ganhar uma Bíblia"; e eles me deram uma. Foi uma grande alegria para mim, tal qual a que senti no dia em que fui alforriado."

 

Essa é uma história verídica, extraída do livro "Água da Rocha – Reflexões Sobre Paz e Propósito de Vida".

 

Quando li, além de ficar emocionado, várias perguntas surgiram em minha mente, perguntas que fiz e faço a mim diariamente, e que divido aqui, por exemplo:

 

- O que estou fazendo com minha vida?

- Será que dou o devido valor à minha vida?

- Será que meu compromisso com Deus é tão forte a tal ponto de arriscar a minha vida por Ele?

- Será que estou agradecendo a Deus por tudo o que eu tenho na vida como deveria?

- Será que tenho tantos motivos para reclamar?

- Será que os meus valores em relação à vida estão certos?

 


 Marco Aurélio
marcoaureliocicco.wordpress.com

__,_._,___

O Olhar dos Outros



 

O OLHAR DOS OUTROS

 

 

O olhar das outras pessoas são mãos pesadas nos nossos ombros. Quanto não deixamos de fazer por causa de supostos ou verdadeiros julgamentos alheios?

 

A sociedade impõe modos e comportamentos que nem sempre são aqueles que condizem com o que somos, com o que desejamos ou mesmo precisamos para nosso equilíbrio pessoal.

 

Não voamos, não ousamos, não vamos além, não plantamos e tão pouco colhemos não porque é o que queremos, mas porque pensamos que é o que esperam de nós. Vivemos de uma falsa liberdade que nos limita.

 

Muitos "sim" nos contrariam para não contrariar outros, muitos "não" chegam simplesmente para confortar outros enquanto nossa alma dói. Vivemos da aparência do que esperam de nós e nosso eu fica guardado e ressentido porque muitas vezes ele queria simplesmente gritar que ele é ele e ponto final.

 

Vamos assim seguindo a maré da vida.

 

Jesus também suportou o olhar dos outros. Mas com a diferença de que para Ele importava muito mais o olhar dAquele que O havia enviado. A morte na cruz era algo terrivelmente humilhante, porém havia algo muito maior e superior à vergonha de ser pregado numa cruz: agradar acima de tudo e por tudo Aquele que com amor nos formou.

 

Nos importamos muito menos com o olhar de Deus que com o olhar dos homens. Portanto, enquanto os homens nos condenam, Deus nos absolve sem fazer perguntas. Ele nos torna livres e se Suas mãos se pousam sobre nossos ombros é para nos abraçar.


 
Marco Aurélio
marcoaureliocicco.wordpress.com

__,_._,___

Mude




 

 

MUDE

 

 

Mas comece devagar, porque a direção é mais importante que a velocidade.

 

Sente-se em outra cadeira, no outro lado da mesa. Mais tarde mude de mesa.

 

Quando sair, procure andar pelo outro lado da rua. Depois, mude de caminho, ande por outras ruas, calmamente, observando com atenção os lugares por onde você passa.

 

Tome outros ônibus. Mude por uns tempos o estilo das roupas. Dê os teus sapatos velhos. Procure andar descalço alguns dias.

 

Tire uma tarde inteira para passear livremente na praia, ou no parque, e ouvir o canto dos passarinhos.Veja o mundo de outras perspectivas.

 

Abra e feche as gavetas e portas com a mão esquerda.

 

Durma no outro lado da cama...

 

Assista a outros programas de tv, compre outros jornais...

 

Leia outros livros, viva outra romances.

 

Não faça do hábito um estilo de vida. Ame a novidade. Durma mais tarde.

 

Durma mais cedo. Aprenda uma palavra nova por dia numa outra língua.

 

Corrija a postura. Coma um pouco menos, escolha comidas diferentes, novos temperos, novas cores, novas delícias.

 

Tente o novo todo dia. O novo lado, o novo método, o novo sabor, o novo jeito, o novo prazer, o novo amor. A nova vida. Tente.

 

Busque novos amigos. Faça novas relações. Almoce em outros locais, vá a outros restaurantes, tome outro tipo de bebida, compre pão em outra padaria.

 

Almoce mais cedo, jante mais tarde ou vice-versa.

 

Escolha outro mercado... Outra marca de sabonete, outro creme dental...

 

Tome banho em novos horários. Use canetas de outras cores. Vá passear em outros lugares.

 

Ame muito, cada vez mais, de modos diferentes.

 

Troque de bolsa, de carteira, de malas, troque de carro, compre novos óculos, escreva outras poesias.

 

Jogue os velhos relógios, quebre delicadamente esses horrorosos despertadores.

 

Abra conta em outro banco. Vá a outros cinemas, outros cabeleireiros,  outro teatro, visite novos museus.

 

Mude.

 

Lembre-se de que a Vida é uma só. E pense seriamente em arrumar um outro emprego, uma nova ocupação, um trabalho mais light, mais prazeroso, mais digno, mais humano.

 

Se você não encontrar razões para ser livre, invente-as. Seja criativo. E aproveite para fazer uma viagem despretensiosa, longa, se possível sem destino.

 

Experimente coisas novas. Troque novamente. Mude, de novo.

 

Você certamente conhecerá coisas melhores e coisas piores do que as já conhecidas, mas não é isso o que importa.

 

O mais importante é a mudança, o movimento, o dinamismo, a energia.

 

Só o que está morto não muda!

 


 
Marco Aurélio
marcoaureliocicco.wordpress.com

__,_._,___

Quando Foi Que Jesus Cristo Nasceu?

Quando Foi Que Jesus Cristo Nasceu?

"O anjo, porém, lhes disse: Não temais, porquanto vos trago novas de grande alegria que o será para todo o povo: É que vos nasceu hoje, na cidade de Davi, o Salvador, que é Cristo, o Senhor. E isto vos será por sinal: Achareis um menino envolto em faixas, e deitado em uma manjedoura. Então, de repente, apareceu junto ao anjo grande multidão da milícia celestial, louvando a Deus e dizendo: Glória a Deus nas maiores alturas, e paz na terra entre os homens de boa vontade"(Lucas 2: 10 a 14)

"Cristo tornou-Se um ser humano, e morou aqui na terra entre nós, e era cheio de perdão amoroso e da verdade. E alguns de nós vimos a glória dEle - a glória do Filho único do Pai celeste!". (Biblía Viva - João 1: 14)




Quando lemos os textos acima temos, ainda mais, a certeza que Jesus Cristo, o Deus Conosco, veio ao mundo nasceu como um ser humano normal, cresceu e começou a ensinar as vontades de Deus Pai a todos aqueles que queriam ouvir.


A muitos anos criou-se uma data para comemorar este nascimento, uma data que a princípio foi criada para que as pessoas se lembrassem de Jesus Cristo, por pelo menos um dia, mas será que Jesus nasceu realmente dia 25/12? Os teólogos e os estudiosos afirmam que não, pois dezembro em Israel é inverno e tudo indica que Jesus não nasceu no inverno.


Mas Pergunto, será que é ruim termos uma data para nos lembrar de Jesus Cristo? A resposta é sim, de verdade temos que lembrar de Jesus e viver como Ele viveu, amar como Ele amou e falar como Ele Falou, todos os dias do ano. Pelo menos a alguns anos atrás o nome de Jesus Cristo era lembrado por pelo menos um dia, hoje isso está mais distante, a figura de papai noel tomou o lugar que era para ser de Jesus, sequer os meios de comunicação citam o natal, agora é boas festas, para não ter problemas com outras religiões, as pessoas usam o natal para dar e receber presentes, para comemorar de forma muitas vezes duvidosa com muita comida e muita bebida, muitos extrapolam, temos o presépio às musicas natalinas que em nada lembra a grande figura de Jesus Cristo, em Isaías 9: 6 esta escrito: "Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu; e o governo estará sobre os seus ombros; e o seu nome será: MaravilhosoConselheiroDeus FortePai EternoPríncipe da Paz." Você percebe por esse texto que Jesus Cristo é muito mais do que aquilo que vemos nas comemorações natalinas atuais.


Temos, como verdadeiros cristãos, que mostrar ao mundo que Jesus um dia nasceu, cresceu, ensinou as vontade de Deus Pai, morreu crucificado pelos nossos pecados, desceu ao inferno para tomar das mãos de Satanás o direito que ele tinha sobre nossas vidas, ressuscitou depois de três dias e hoje está sentado à direita de Deus Pai e um dia vai julgar todos os seres humanos, seja para a vida eterna ao Seu lado, ou para o inferno, lugar de tormento eterno. Mas a pergunta continua, quando Jesus nasceu?


Com bastante sinceridade, historicamente falando, pouco me importa a data que o homem Jesus Cristo nasceu, o importante é sabermos que Ele nasceu, morreu e principalmente ressuscitou para que tenhamos vida:  "...eu vim para que tenham vida e a tenham em abundânciaEu sou o bom pastor; o bom pastor dá a sua vida pelas ovelhas." (João 10: 10 e 11)

Mas, espiritualmente falando importa e muito, eu sei quando Jesus Cristo nasceu na minha vidaEle nasceu no dia 01/05/98, dia esse que meu coração foi quebrantado e pude enxergar que sem entregar a minha vida a Ele eu não poderia viver de verdade uma vida em abundância de paz, alegria e tudo o que de bom Deus, já há muito tempo, tinha prometido para mim e não só para mim mas para quem O recebe como Senhor e suficiente SalvadorMas como poucos me conhecem pessoalmente, vou mostrar através da Palavra de Deus quando Jesus nasceu para alguns dos apóstolos:


Para Pedro: "E Pedro lembrou-se do que dissera Jesus: Antes que o galo cante, três vezes me negarás. E, saindo dali, chorou amargamente". (Mateus 26: 75) Pedro viveu durante mais de três anos com Jesus, mas quando correu o risco de ser morto ele negou que conhecia Jesus, mas ele (Pedro) percebeu que sem Jesus a vida não teria sentido e a partir dai se colocou completamente a disposição de Jesus, entregou sua vida completamente a Ele e foi ungido para levar as boas novas aos que não conheciam Jesus.


Para Paulo: "Mas, seguindo ele viagem e aproximando-se de Damasco, subitamente o cercou um resplendor de luz do céu; e, caindo por terra, ouviu uma voz que lhe dizia: Saulo, Saulo, por que Me persegues? Ele perguntou: Quem és tu, Senhor? Respondeu o Senhor: Eu sou Jesus, a quem tu persegues; mas levanta-te e entra na cidade, e lá te será dito o que te cumpre fazer". (Atos 9: 3 a 6) Saulo era um implacável perseguidor dos cristãos, procurava cada um deles e quando achava muitos eram condenados a morte, mas um dia Jesus Cristo se apresentou a ele (Saulo) e virou Paulo e aprendeu o que significava entregar sua vida completamente a Jesus Cristo.


Para Mateus: "Partindo Jesus dali, viu sentado na coletoria um homem chamado Mateus, e disse-lhe: Segue-me. E ele, levantando-se, o seguiu." (Mateus 9: 9)


Para Tiago e João:  "E, passando mais adiante, viu outros dois irmãos - Tiago, filho de Zebedeu, e seu irmão João, no barco com seu pai Zebedeu, consertando as redes; e os chamou. Estes, deixando imediatamente o barco e seu pai, seguiram-no." (Mateus 4: 21 e 22


Dentro da Bíblia temos muitos textos onde podemos ver quando Jesus Cristo nasceu, espiritualmente falando, isso é muito importante para os nossos dias, mas o mais importante e sabermos que Ele já nasceu dentro dos nossos corações, e isso acontece quando O recebemos como nosso único Senhor e suficiente Salvador da nossa vida, passamos a ser a morada do Espírito Santo e os nossos nomes são escritos no Livro da Vida pelo próprio Deus, e é isso que verdadeiramente importa.


Você já recebeu Jesus como seu Senhor? Já entregou sua vida completamente a Ele? Pois a verdade é que: Jesus Cristo sempre existiu como DeusEle pode ter nascido como homem há mais ou menos 2010 anos atrás, mas na criação do mundo Ele já estava com Deus, criando o mundo, a Palavra de Deus diz: "Antes de existir qualquer coisa, Cristo já existia, e estava com DeusEle sempre esteve vivo e Ele mesmo é Deus. Ele criou tudo o que há, não existe nada que Ele não tenha feito. NEle está a vida eterna, e esta vida traz luz a toda a humanidade." (Bíblia Viva - João 1: 1 a 4)


Se você não entregou sua vida completamente a Ele, meu querido(a), decida-se logo a recebê-lo em seu coração, esse é melhor e maior presente que você pode ter na sua vida, pois todas as profecias bíblicas estão se cumprindo e o fim está muito, mas muito próximo, Jesus nos disse que: "Então, estando dois homens no campo, será levado um e deixado outro; estando duas mulheres a trabalhar no moinho, será levada uma e deixada à outra. Vigiai, pois, porque não sabeis em que dia vem o vosso Senhor; sabei, porém, isto: se o dono da casa soubesse a que vigília da noite havia de vir o ladrão, vigiaria e não deixaria minar a sua casa. Por isso ficai também vós apercebidos; porque numa hora em que não penseis, virá o Filho do homem". (Mateus 24: 40 a 44)


Jesus não nos disse nem o dia e nem a hora que voltaria, Ele sim nos alertou que devemos ficar sempre prontos para a vinda dEle que pode acontecer a qualquer momento, então, meus queridos, se Jesus Cristo não nasceu, espiritualmente, para você, esse nascimento depende da sua decisão, não espere muito, pois eu gostaria de estar ao seu lado no céu, saiba que se você não receber Jesus Cristo como seu único Senhor e suficiente Salvador assim que deixarmos de existir, aqui na terra, nunca mais nos veremos, agora se você receber Jesus Cristo como seu único Senhor e suficiente Salvador viveremos para sempre juntos no céu em alegria eterna, pense bem sobre isso.


Se você meu querido(a) que leu esse texto ainda não se decidiu em entregar sua vida a Jesus Cristo, ou se você já fez isso mas tem alguma dúvida se foi de todo o coração, ou ainda se você se desviou do Caminho e deseja retornar, faça a oração abaixo em voz alta e acredite que todos os seus pecados foram perdoados, depois procure uma igreja que pregue o Evangelho de Jesus Cristo, se batize nas águas e viva em comunhão com os seus novos irmãos em Cristo, eu sou um deles.


Pai de amor, obrigado(a) por me amar primeiro, e pela oportunidade que me dás de poder entregar minha vida nas Tuas Mãos. Perdoa os meus pecados, escreva o meu nome no Livro da Vida e me ajude a seguir a praticar a Tua vontade. Pai Celeste eu (diga o seu nome) declaro com a minha boca, que creio no meu coração que Jesus Cristo, o Teu Filho Amado é o meu Senhor e Salvador, Ele foi ressuscitado dentre os mortos por Ti, está assentado a Tua direita, e pela fé na Tua Palavra creio que estou salvo. A partir deste momento, não sou mais perdido, sou um salvo por Cristo Jesus o meu Salvador, em nome de de Jesus Cristo eu Te agradeço. Amém.


Obs.: Se você fez a oração acima em voz alta e recebeu a Jesus Cristo agora, me escreva para que eu possa estar orando por você e pedindo a proteção de Deus para a sua vida em nome de Jesus Cristo.


Tudo isso, aqui, escrito é para divulgar a Palavra do nosso Deus e levar a vontade dEle ao maior número de pessoas possível, que Deus através destas palavras possa mostrar a quem lê, a Sua boa, agradável e perfeita vontade, tudo isso em nome do nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.


Para refletir;

"Atenção! Eu tenho permanecido à porta e estou batendo constantemente. Se alguém me ouvir chamá-lo e abrir a porta, Eu entrarei e farei companhia a ele, e ele a Mim. E permitirei que cada um que vencer se sente ao Meu lado no Meu trono, tal como Eu ocupei o Meu lugar com o Meu Pai no trono dEle quando Me tornei vencedor. Que aqueles que podem ouvir, ouçam o que o Espírito está dizendo às igrejas." (Bíblia Viva - Apocalipse 3: 20 a 22)


,


Pr. Frank Medina - Discípulo de Jesus Cristo